Número 1 (2)

CHIMBINHA É….

“Um guitarrista virtuoso em termos técnicos e que não mergulhou nos clichês que a guitarra elétrica oferece. Ele conseguiu trazer o instrumento para um outro ambiente, um estilo mais popular, natural e funcional. Incorporou elementos saborosos de questões caribenhas e africanas que fazem você traçarum mapa cultural mais colorido da música.”
HERBERT VIANNA, GUITARRISTA

“Eu não faço a menor ideia de quem seja esse cara. O que eles tocam? Axé?”
EDGARD SCANDURRA, GUITARRISTA

“Ele é um representante dos guitar heroes no Brasil. Ele trouxe para o pop brasileiro um estilo único. No Brasil a guitarra vem muito do violão, do cavaquinho, do bandolim. Já o estilo do Chimbinha não vem do Jorge Ben, do João Gilberto, nem do violão.”
KASSIN, MÚSICO E PRODUTOR

“Eu admiro muito o Chimbinha. Ele trouxe aquela guitarra que tinha no carimbó, na música da América Central, uma coisa amazônica. Ele influenciou vários guitarristas nordestinos. Se você for lá pro Norte vocêvai ver um monte de Chimbinhas. A Joelma também tem um carisma enorme. Mas ela serve o prato e ele faz a comida.”
ROBERTINHO DE RECIFE, GUITARRISTA

“Ele é um guitarrista bem foda, um guitarrista clássico da ‘guitarrada’. Tem personalidade, mas não é um inovador. Como ele, tem vários caras no Pará que tocam desse jeito. É como se você falasse que o maracatu foi uma coisa inovadora na época do manguebit.”
FERNANDO CATATAU, GUITARRISTA

“Um dos maiores guitarristas da história da música brasileira, tanto em habilidade quanto em criatividade. Ele trabalha com um gênero renegado pela cúpula da inteligência, mas leva pro povo algo que eles recebem muito pouco: uma boa música no sentido de ter o instrumento bem tocado. É um dos artistas mais completos do Brasil.”
CARLOS EDUARDO MIRANDA, PRODUTOR

fonte: Trip

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Número 1 (2)

Deixe o seu comentário