Diário de uma doméstica (1)

Hoje de manhã eu fui à feira. Antes de sair, meu patrão me pediu para eu trazer figo. Aí eu perguntei:

– Figo fruta ou bife de figo?

Ele ficou uma fera. Gente fina, seu Adamastor, num ligo não. Ele tem sistema nervoso. Também, com um emprego chato daqueles, vou te contar. Ele é Fiscal da Receita. Deve ser um saco ficar conferindo receita de médico o dia inteiro.

Depois chegou o Adamastorzinho, o filho mais novo deles. Acabou de ganhar um carro todo equipado. Tem roda de maionese, farol de pilha, teto ensolarado e trio elétrico. Não sei porque trio elétrico num carro, deve ser porque ele gosta de música baiana.

Ingrato esse Adamastorzinho. Fiz a comida preferida dele e ele ainda me chamou de burra. Eu disse a ele, toda boba, quando ele chegou:

– Adamastorzinho, adivinha a comida que eu fiz pra você?

– Qual, Dircinéia?

– Começa com ‘i’…

– ‘I’?

– É, iiiiiii!!!!

– ‘Iiiiiii’? num sei.

– Istrogonofi!

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Diário de uma doméstica (1)

Deixe o seu comentário