Meu passado me condena

Um cara tá na fila do caixa do supermercado quando uma loura escultural lhe faz sinais com a mão e lhe dá um sorriso daqueles.

Ele deixa por momentos o carrinho das compras na fila, dirige-se à louraça diz-lhe suavemente:

– Desculpe, será que não nos conhecemos?

– Pode ser que eu esteja enganada, mas acho que o senhor é o pai de uma das minhas crianças.

O tipo põe-se imediatamente a vasculhar na memória e pensa na única vez em que foi infiel à esposa, perguntando baixinho para a louraça:

– Não me diga que você é aquela stripper que eu transei sobre uma mesa de bilhar, naquela suruba com os meus amigos, completamente bêbado, enquanto uma das suas amigas me flagelava com uns nabos molhados e me enfiou um pepino no traseiro?

– Não!!! responde ela, toda envergonhada.

– Eu sou a nova professora do seu filho…

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Meu passado me condena

Deixe o seu comentário