Pôr-do-sol

Um menino ouviu alguns homens falando acerca de Deus. Quando chegou em casa perguntou ao pai se alguém podia ver a Deus. O pai respondeu rudemente: – Não!

Isto entristeceu o menino. Ele saiu a um passeio na mata. Assentou-se junto a um córrego e meditou. Viu os passarinhos fazendo seus ninhos. Ergueu os olhos para o céu, através dos ramos das árvores, ansioso de ver a Deus.

Um dia o ministro da igreja jantou em seu lar e ele teve ocasião de perguntar-lhe se alguém podia ver a Deus. O ministro lhe disse que ninguém pode ver a Deus e viver! Esta foi para o menino uma revelação esmagadora. Ele saiu para o celeiro e chorou.

Logo depois disto encontrou-se com um velho pescador, do qual se tomou grande amigo. O pai soube do novo amigo e perguntou ao menino a seu respeito:

– É ele um bom homem?

– Eu gosto dele – disse o menino. – Ele não fala muito mas vou lhe dizer como ele procede. Na noite passada, quando estávamos navegando rio abaixo e o sol se punha através das árvores, entre lindas nuvens, eu vi lágrimas em seus olhos, e…

– Está bem, está bem! Creio que você está em boas mãos.

Logo na noite seguinte, terminada a pescaria, o menino notou que de novo o velho pescador tinha os olhos úmidos ao observar o pôr-do-sol. O pequeno tocou timidamente o braço do velho. Este nem volveu a cabeça.

– Eu nunca faria a qualquer outra pessoa a pergunta que vou fazer ao senhor – disse o menino com os lábios trêmulos.

Ainda o velho não se moveu; tinha os olhos fitos no sol poente.

– O senhor pode ver a Deus? – aventurou o menino.

Ainda não houve resposta. O menino então puxou o velho pela manga. – Por favor, diga-me! Pode-se ver a Deus?

O menino esperou, sem respirar. Afinal o velho volveu um amável rosto manchado de lágrimas para o rapaz e disse:

– Filho, não vejo coisa alguma senão Ele!

Todo aquele que abrir os olhos verá que os céus ainda declaram a glória de Deus. Entretanto, o pior cego é aquele que não quer ver! Mas quando vemos os esplendores do universo de Deus não podemos deixar de louvá-Lo.

foto via Mauricio Serafim

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Pôr-do-sol

Deixe o seu comentário