Dr.House cai no samba

Aos 50 anos, o currículo do ator traz de fato um gosto pela diversidade. Ele faz parte da Band from TV, um grupo musical que se apresenta em eventos de caridade. Já compôs músicas, escreveu seriados para a TV inglesa, dois romances e atuou em filmes tão variados como “Razão e Sensibilidade” e “O Pequeno Stuart Little”.

Na lista do ator, há ainda um pouco conhecido filme rodado no Brasil: “Girl from Rio” (garota do Rio), em que interpreta um funcionário de banco fascinado por samba que resolve ir ao Rio de Janeiro no fim do ano após flagrar a mulher com o chefe e decidir, por impulso, roubar o banco onde trabalha.

Questionado sobre suas habilidades como dançarino de samba no filme, ele ri. As cenas ainda estão disponíveis no YouTube e mostram Laurie dançando até na areia da praia.

Para encarar o personagem, ele treinou por três semanas em Londres com um casal de dançarinos brasileiros. “Se em algum momento você sentir que precisa ser colocado para baixo, precisa reduzir sua confiança física, tente dançar entre dois brasileiros na frente de um espelho. Eles eram duas das pessoas mais bonitas que já vi na vida, e no meio havia aquele homem que parecia estar caindo da escada”, conta.

O treino lhe rendeu frutos. Em visita a uma escola de samba, foi o primeiro convocado para a pista e sambou com seis mulheres. “Passei um tempo maravilhoso no Brasil.”

Fonte: FOLHA

Talvez possamos aprender algo com isso: não adianta falar em contextualização da igreja se não nos levantarmos do lugar comum, mostrarmos um pouco de atitude, de interesse genuíno… Definitivamente, o sal só salga se for posto fora do saleiro.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Dr.House cai no samba

Deixe o seu comentário