Ópera bufa (4)

Um advogado da cidade, culto e educado, vai para o interior ensinar o pessoal da roça os costumes da cidade.

Em visita a uma casa, é convidado para almoçar. Na refeição, é servida aquela feijoada que só o pessoal do interior sabe fazer.

Ao se sentar no sofá, ele sente vontade de soltar gases. Então, viu uns quadros e para disfarçar foi andando, olhando e ao chegar perto do cachorro, soltou aquela bufa.

– Fido! – gritou a mulher.

– Ufa! A mulher pensou que foi o cão – pensou ele.

Ele sentiu mais vontade e, como não estava conseguindo segurar, chegou perto do cachorro e peidou outra vez.

– Fido! – gritou ainda mais alto a mulher.

– Esse cachorro me salvou – ele pensou.

Depois ele sentiu mais vontade e, como não dava pra segurar, repetiu o esquema.

A mulher gritou:

– Sai daí, Fido! Cê num tá vendo que o homi vai cagá em cima docê?

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Ópera bufa (4)

Deixe o seu comentário