Donos do site Brazil Series foram presos

Polícia de SP prende donos de site de download de filmes por pirataria

A polícia de São José dos Campos (SP) prendeu em flagrante, nesta quinta (15), o peruano Cesar Addis Valverde Salvador, 32, e a brasileira Eliezer Batista Ramiro, 24, administradores do site Brazil-Series, por violação de direitos autorais devido a compartilhamento de filmes na internet.

Salvador, que é funcionário do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), e Eliezer responderão pelo crime de violação de direitos autorais, artigo 184, do Código Penal Brasileiro. Se condenados, a pena pode chegar a quatro anos de reclusão.

A APCM (Associação Antipirataria Cinema e Música) disse não se lembrar de um caso precedente a esse, no qual há prisão em flagrante devido a pirataria de filmes.

De acordo com o delegado da Polícia Civil Vernei Antonio de Freitas, que comandou as investigações, eles ganharam “bastante dinheiro com isso” –ele, porém, não soube precisar a cifra. “Eram de várias formas, inclusive download premium [conteúdo exclusivo]”, disse Freitas à Folha.

O site, que mantinha seriados famosos como “House” e “Friends”, dizia ter 32 milhões de visitas consolidadas. A APCM diz que o Brazil-Series possuía uma média de acesso mensal de 800 mil internautas.

A investigação sobre o site foi desencadeada pela APCM em 2007. A organização chegou às pessoas por meio de sites de relacionamento, como Orkut e Twitter.

O gerente jurídico e operacional da entidade, Edner de Toledo Alves Bastos, acompanhou a operação e contou à Folha que um material farto relativo à pirataria foi apreendido na casa dos dois indiciados.

“[Encontraram] computador, notebook, várias listas de papel com filmes e seriados, milhares de DVDs –eram mídias coloridas e queimadas. 90% [do conteúdo] das mídias estava no site deles”, afirmou.

A APCM diz ainda que a capitalização por intermédio do site era feita via sistema de publicidade em banners (o site ganha centavos quando se clica, o que gera lucro à medida que diversos usuários clicam), pedido de doações em dinheiro para manutenção do site e venda de contas especiais (por R$ 30, usuários tinham acesso a conteúdos exclusivos e mais velocidade de download).

“No site, há vários administradores e designers, o que caracteriza formação de quadrilha”, declarou Bastos.

fonte: Folha.com

Como o casal não tem antecedentes criminais e possui residência fixa é provável que sejam soltos nas próximas horas.

No site Brasil Séries há várias mensagens de apoio ao compartilhamento de arquivos e frases como “Original é roubo. Compartilhar não é crime”.

A APCM comemorou a prisão do casal e afirmou que o considera “pirataria” é um mal que favorece o crime, a sonegação de impostos e prejudica a geração de empregos formais.

fonte: Info Plantão

Vou nem falar o que acho…

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Donos do site Brazil Series foram presos

Deixe o seu comentário