Instituto iraniano lança site de cartuns que questionam Holocausto

A fundação cultural não governamental Khakriz lançou um site de cartuns que ironizam o assassinato em massa de judeus no Holocausto e questionam “a grande mentira” histórica.

O site, que abre com a música tema da Pantera Cor-de-Rosa, traz os desenhos de Maziar Bijani, publicados originalmente em 2008, com textos de Borzo Bitaraf “dedicados a todos aqueles mortos sob o pretexto do Holocausto”.

No texto, os autores ressaltam “respeitar todas as vítimas da Segunda Guerra, sejam judeus, cristãos ou muçulmanos”, mas alegam que não esquecerão os palestinos mortos sob a mentira do Holocausto.

Desde a Revolução Islâmica de 1979, Irã não reconhece Israel como um Estado soberano e se refere ao país como regime sionista.

O massacre de judeus na Segunda Guerra (1939-1945) é frequentemente questionado pelo presidente iraniano, Mamhoud Ahmadinejad, que já chamou o Holocausto de “conto de fadas”, e criticado pelos iranianos linha-dura como uma desculpa para Israel ocupar terras palestinas.

Ahmadinejad chegou a sediar uma conferência em dezembro de 2006 para questionar o Holocausto.

fonte: Folha.com

bem chato colocar um post nada engraçado como esse no dia reservado p/ piadas (às vezes) engraçadas. no entanto, é bastante oportuno p/ debater s/ eventuais limites do humor.

no caso acima, como fica a quase santa liberdade de expressão que existe na internet?

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Instituto iraniano lança site de cartuns que questionam Holocausto

Deixe o seu comentário