Prisioneiros de um Deus branco

“A própria palavra “cristianismo” é já um equívoco – no fundo só existiu um cristão, e esse morreu na cruz. Aquilo a que desde então se chamou “Evangelho” era o contrário do que o Cristo havia vivido: uma “má nova”, um Dysangelium.”

Friedrich Nietzsche

Esse é um trecho de “Prisioneiros de um Deus branco”, documentário de Steve L. Lichtag, produção da República Checa, que mostra o povo indígena Akha, que vive nas montanhas do Laos e da Tailândia, na Ásia, e enfrenta o desafio de preservar sua cultura diante de constantes interferências e absurdos cometidos por missionários evangélicos que exploram crianças e famílias.

O documentário é forte e chocante, e ganhou diversos prêmios na Rússia, Eslováquia e República Checa.

via Paulo Outeiro, no Manga Church

Assista aqui o documentário na íntegra:

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Prisioneiros de um Deus branco

Deixe o seu comentário