Depois de ser crucificado, artista pode morrer na cadeira elétrica

Em 2000, o artista russo Oleg Mavromatti fugiu para a Bulgária depois de receber em seu país uma sentença penal por causar ódio religioso por meio de uma performance. Na apresentação, chamada “Não acredite nos seus olhos”, ele foi crucificado (foto abaixo). Desde então, Oleg já recebeu várias ameaças de morte. Por isso, ele decidiu dar uma chance aos que querem vê-lo dentro de um caixão.

O russo está promovendo uma votação online onde será possível decidir se ele deve ser executado ou não (AQUI). A cada 100 votos pela sua morte, Oleg receberá um choque de 600 mil volts em uma cadeira elétrica (foto acima). O quinto será fatal.

Toda vez que um artista faz algo radical, as pessoas querem puni-lo, inclusive lhe impondo a pena de morte. Quero ver se estão realmente prontos para me executar. Tenho certeza que estão, e quero mostrar como a humanidade não é tão humana quanto acredita ser”, disse à agência Ria Novosti. Mas muitos acham que tudo não passa de um golpe para que ele receba um passaporte russo e possa voltar ao país natal.

Fonte: Pop e Blameitonthevoices

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Depois de ser crucificado, artista pode morrer na cadeira elétrica

Deixe o seu comentário