A massa


.
Caroline Celico
.

Tenho escutado muito nos últimos dias uma palavra que sempre me chama muito a atenção: confusão. E percebido que muita gente se queixa de confusão na mente, nas ideias, nos princípios, nas verdades, e dizem: “estou confuso”.

Quando você sente confuso com uma ideia, com um momento, com um pensamento, o que você faz? Pede socorro para alguém esperando ter a certeza de que a resposta que ela te der é a que te fará voltar a respirar tranqüilo? Ou então você para para pensar, pesquisa, lê, se interessa por aquilo que parece um tormento mas é somente uma ideia que nunca antes havia chegado até você.

Hoje em dia, as pessoas estão pouco preocupadas com ideias novas. Talvez seja o excesso de informações ou a falta de tempo para pensar. E o que vemos são ideias antigas, ideias plantadas por pessoas em que se confia, ideias que um dia deram certo, verdades sem nem 1% de mentira. Verdades em que acredita por absoluta falta de vontade de descobrir algo novo.

A maioria dessas pessoas realmente acredita no que estão falando, assim como deve ser conosco quando cremos sem pensar naquilo que falamos, naquilo que vivemos, naquilo que experimentamos. Isso forma uma opinião, mesmo que seja uma verdade mascarada por uma ilusão. E nada é feito por maldade, mas pelo simples fato de ter funcionado para alguém, então porque não funcionaria para mim também? E assim acabamos criando uma verdade intocável, imutável.

Isso é muito poderoso. Quando outra pessoa expressa seus ideais, seus princípios, como fruto de uma opinião pessoal, fruto de uma experiência pessoal, ela acaba influenciando outras pessoas. Temos que parar para pensar sobre isso e refletir sobre o que somos, o que queremos e no que acreditamos antes de adotar a opinião dos outros como sendo a nossa.

Deus é um só, nós todos somos únicos (temos essa marca na ponta dos nossos dedos), mas a forma que Deus fala, toca, convence, explica, para cada um é muito diferente. O medo de muitos de formar sua própria opinião, ou a dificuldade que se tem para formá-la, os impede que a ideia avance. Acaba sendo muito mais fácil então caminhar com uma massa, andar de acordo com o que é imposto por homens, ou muitas vezes ir de acordo com um opinião, que nem mesmo é a nossa, simplesmente porque fomos proibidos ou pouco motivados a pensar de forma contrária ou um pouco diferente. E preferimos nos silenciar e concordar.

Nunca mate nenhuma ideia que você sentir que está nascendo dentro do seu ser. Lembre-se que o seu coração é o único lugar que nenhum homem conhece e que só Deus pode falar com você.

fonte: Tumblr da Carol Celico

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for A massa

Deixe o seu comentário