Voltei a cantar

“A arte existe porque a vida não basta” (Ferreira Gullar).

Os degraus na escada da fama podiam variar quando alguns astros passaram pelo Brasil. No entanto, o nome da preparadora vocal era sempre o mesmo: Mônica Schimenes. Foi assim com Deep Purple, Alice Cooper, Yes, Allan Parsons, Tony Handley e Deal em suas turnês pelo Brasil.

Com artistas nacionais, o talento de Mônica pass(e)ou por vários cantores e estilos. Raimundos, Leandro e Leonardo, Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Carmargo e Luciano, Fábio Junior, entre outros.

Pianista, arranjador, compositor e diretor musical,  Ogair Júnior já atuou com artistas como Gal Costa, Célia Alves, Olívia Byington, Jair Rodrigues, Luciana Mello, Fernanda Porto, Ana Cañas, Lucinha Lins… e agora Mônica Schimenes.

Nesta segunda-feira às 20h vai rolar no Teatro da Livraria Cultura do Shopping Villa Lobos o show “Voltei a cantar”. Com um repertório de canções que retratam a versatilidade musical dos artistas, a apresentação é um sofisticado passeio musical. O repertório passa por compositores brasileiros, como Chico Buarque, Caetano Veloso, Pixinguinha e Lamartine Babo, incluindo ainda standards e canções de musicais, proporcionando uma experiência musical única e intensa.

Uma noite especialíssima pra mim porque a Mônica foi responsável por trazer à realidade vários sonhos da Usina que dirigi. Sob o comando dela, as vozes do grupo ganharam uma nova dimensão. A gentileza do convite p/ produzi-la interrompeu meu período sábatico longe dos palcos.

Antes de desejar “merda” nas coxias, um rápido olhar no retrovisor mostra que se algumas delas literalmente nos acometeram, foram transformadas em adubo pelas generosas mãos divinas. Como diz o texto do programa, “as pausas sublinham a beleza de notas e acordes”.

De acordo com a inspiração do poeta, “é preciso ter graça, é preciso ter sonho sempre”. Por isso amanhã estaremos juntos p/ celebrar uma noite de reencontro da arte e da vida.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Voltei a cantar

Deixe o seu comentário