Frases feitas para rir

Texto de Anna Carolina Lementy publicado originalmente no blog Mulher 7×7

As pessoas não são lá muito criativas quando querem dar um fora em alguém. Homens e mulheres recorrem sempre às mesmas frases feitas, embora as mulheres, a meu ver, gostem mais de se explicar. Querem manter como amigo o cara que não serve mais como namorado. Ou talvez só não consigam ignorar o lado maternal.

Ser fofa além da conta, porém, pode ser uma grande furada. O cara pode não entender o recado. Pode achar que você está só fazendo charme e te perseguir por toda a eternidade. É melhor ser clara (embora isso nem sempre funcione). Só aposte na dubiedade se quiser uma legião de homens sedentos por atenção ao seu redor. Como naquela cena de O vento levou em que Scarlett O’Hara é paparicada durante um churrasco por vários homens que jamais deixarão o posto de meros escravos de seus caprichos. São uns iludidos.

E a ilusão, às vezes, é necessária. A verdade, nua e crua, dói. Vai ver é por isso que existem tantos adeptos do clássico “o problema não é você, sou eu”. Ou do “estou confuso, passando por um momento complicado”. Cof cof.

Frases assim não só são risíveis como podem indicar que o sujeito ou a moça tem a intenção de “cozinhar em banho-maria” o desapontado interlocutor. É mais ou menos assim o raciocínio: por que dispensar a pessoa, se posso mantê-la por perto e dar uma ligada quando EU tiver vontade?

Não seja uma vítima! E não faça vítimas! Confira a minha pequena lista de frases toscas e fuja delas:

1) Você é a pessoa certa na hora errada.

Ok. E qual seria a hora certa? Aquela em que as baladas começarem a se tornar chatas, previsíveis e você sentir a necessidade de discutir em profundidade um filme dinamarquês?

2) Não é você, sou eu.

Gosto do ar enigmático dessa. A pessoa nunca consegue explicar por que ela não é boa o bastante para você, quando sabemos que se trata do contrário: é você que não preenche os requisitos. Caridosa, a pessoa tenta não ser tão desagradável e opta por mais uma boa dose de clichês. E a gente sai da conversa meio tonta, meio com raiva. Quer dizer, totalmente com raiva.

3) Você é ótima (o), MAS…

Acho honesto se a pessoa disser qual é o problema logo depois do “mas”. Porém, é grande o risco de a frase ficar assim: Você é ótima (o), mas apareceu na hora errada. Zzz.

4) Estou confuso (a)

O mais legal dessa é que não dá para estabelecer prazos. A confusão, gente, pode nunca passar. É muito conveniente, versátil e evita perguntas, porque elas só deixarão a pessoa ainda mais confusa. E é capaz de você ainda ser feita de vilã (ou vilão) da história.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Frases feitas para rir

Deixe o seu comentário