Depois de “ajudar” a eleição de Obama, feiticeiro tem novo desafio

Texto publicado originalmente na Gazeta do Povo

O bruxo Chick Jeitoso terá nesta sexta-feira (29), segundo ele mesmo define, o maior desafio de seus 29 anos de feitiçaria: fazer a macumba capaz de livrar o Paraná do rebaixamento do Campeonato Paranaense.

O trabalho, explica o feiticeiro, é para quebrar a energia ruim do clube e, consequentemente, conseguir livrar o Tricolor da queda no tapetão, mais especificamente no julgamento do Rio Branco no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) pela convocação irregular de um atleta. Se o Leão da Estradinha for condenado, perde 22 pontos e, consequentemente, o time da Vila Capanema não cai.

Jeitoso admite que a possibilidade de a macumba não dar certo é grande. “Nunca vi um clube tão carregado de energia negativa. Vou ter que reforçar bastante a quantidade de velas neste trabalho”, explica o feiticeiro. Ao invés de sete velas pretas, o normal para trabalhos desta natureza, Chick Jeitoso terá que usar 49 para tentar salvar o Tricolor.

“A urucubaca na Vila está muito grande. Ninguém cuidou do lado espiritual do Paraná”, diz o feiticeiro.

Até este trabalho, a macumba mais difícil que Jeitoso havia feito foi para a eleição do presidente americano Barack Obama. “Ele tinha apenas 3% dos votos e meu trabalho conseguiu reverter isso. Agora espero o mesmo sucesso com o Paraná”, confia o feiticeiro.

A macumba será feita às 10h07 de sexta-feira, em frente ao Estádio Durival Britto. “O horário foi escolhido pela numerologia: o ‘1’ na frente é para o Paraná voltar a ser o primeiro. O ‘7’ é o número sorte”, explica o feiticeiro.

Corintiano, Jeitoso diz que está fazendo o trabalho em resposta ao apelos de torcedores paranistas que o procuraram. “Até crianças me pediram para eu fazer algo para salvar o Paraná”, diz o feiticeiro.

Resta saber se a macumba vai ser forte o suficiente para livrar o Tricolor.

foto: Ivonaldo Alexandre

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Depois de “ajudar” a eleição de Obama, feiticeiro tem novo desafio

Deixe o seu comentário