Ditadura gay

Texto de Luiz Caversan publicado originalmente na Folha.com

– Quer dizer que agora a pouca-vergonha está legalizada?

– É, meu amigo, agora é a ditadura gay…

Eu ia entrando no táxi, no ponto perto de casa, quando captei o diálogo entre os dois motoristas.

No trajeto, perguntei ao taxista, meu velho conhecido:

– Que história é esta de ditadura?

– O senhor não viu que foi aprovado o casamento gay? O fim da picada…

– Mas o que isso tem a ver com ditadura?

– Tem a ver que a gente vai ser obrigado a presenciar sem-vergonhice na rua sem poder fazer nada!

– Mas fazer o quê?

– Dar uns tapas, sei lá, colocar esses barbudos desavergonhados no seu devido lugar…

– E onde é o lugar deles?

– Longe de mim – hahahahaha

– O sr. tem medo de gay?

– Medo nada, tenho, sei lá, um pouco de nojo, acho?

– É um medinho, não é não?

– Medinho de quê?

– De repente o sr. se identifica…

– Que é isso, meu amigo, eu sou espada! Se vier com coisa pro meu lado leva porrada.

– Olha que tem muito machão por aí que está louco pra sair do armário…

– Isso é verdade, mas não é meu caso. Sou casado e pai de família.

– O sr. tem algum filho gay?

– Que que é isso, o sr. é meu cliente, mas não ofende!

– Perguntar não ofende, vai… Mesmo porque até o Supremo reconhece agora a união gay…

– Não tenho não senhor, tá bom?

– E se tivesse?

– Xiiii

– Uai, e se seu filho ou sua filha chegasse em casa um dia e dissesse que é gay?

– Ia ser uma desgraça!

– O sr. ia dar porrada?

– Não ia porque nunca bati num filho meu…

– Ia botar pra fora de casa?

– Imagina! Eu amo meus filhos, tenho um casal adolescente, jamais iria ficar longe deles…

– Mesmo que fosse gay?

– Pô , mas o sr. encasquetou com essa coisa de gay, hein? Tô ficando desconfiado.

– Encasquetei com o lance da ditadura…

– Ah, isso é papo do colega lá do ponto, ele acha que os gays vão dominar o mundo, viadagem vai ser ensinada na escola. Sabe aquele deputado milico que diz isso? Então…

– Então, se seu filho fosse gay e os gays dominassem o mundo ia ser legal, né?

– Olha aqui, meu filho não é gay e os gays não vão dominar o mundo coisíssima nenhuma, viu?

– E o que vai acontecer?

– Ah, eles vão ficar mais folgados durante um tempo, mas depois todo mundo se adapita (sic)…

– Adapita como?

– Assim: casal normal, homem e mulher, quando é novo fica se agarrando, se beijando em qualquer lugar, toda hora, certo? Mas com o tempo a coisa vai esfriando e logo logo não anda nem de mão dada. Com os gays vai ser a mesma coisa, eles vão ficar de pegação e vão ficar provocando a gente, mas depois tudo vai se ajeitando…

– Jeitinho brasileiro?

– Mais ou menos. É que casamento gay também vai encher o saco, igual qualquer casamento…

– O sr. está de saco cheio no seu casamento?

– Mais ou menos, depois de quase 20 anos…

– Bem, agora o sr. pode ter um casamento gay, é até legalizado…

– Olha aqui, doutor, se o senhor não fosse meu cliente antigo…

– Ia fazer o que, me dar uma porradas?

– Ia te chamar de viado! Mas pensando bem, agora que foi legalizado, nem xingamento é mais –hahahaha.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Ditadura gay

Deixe o seu comentário