O arrebatamento não veio, mas ministérios arrecadaram milhões para divulgá-lo


Animação de canal de TV de Hong Kong satiriza a promessa de arrebatamento em 21/05

Harold Camping, presidente da Family Radio preveu que terremotos iriam começar às 6h da tarde de cada fuso horário em 21 de maio. Esse seria o alerta de que o fim do mundo havia começado e uma pequena porcentagem da população do mundo iria ser arrebatada.

Mas isso não aconteceu e agora os seguidores de Camping, muitos dos quais abandonaram seus trabalhos, gastaram todas as suas economias e alguns até mesmo perderam a família, estão confusos e, infelizmente, sem nada.

Milhões de dólares foram gastos com outdoors e campanhas de anúncios na internet para avisar pessoas de todos os países sobre o dia do Julgamento. Milhares de pessoas fizeram doações pela internet acreditando que estavam ajudando a salvar almas do juízo.

Vários sites de ministérios como Family Radio, Ebible Fellowship, Bible Ministries Intl., e o The-Latter-Rain recebram doações desde 2009, quando a data de 21/05 foi anunciada.

Recentemente, o site Ebible Fellowship postou uma mensagem que “não estava mais aceitando doações” por não terem mais tempo hábil para usá-las.

Atualmente, o site da Family Radio está fora do ar e seu líder e fundador não pode ser encontrado pela imprensa para dar explicações.

De acordo com o MinistryWatch.com, que monitora as organizações cristãs na questão de transparência financeira, a Family Stations, Inc. ministério que Camping fundou, tem pouca transparência. Seus ativos totais em 2007 – o ano mais recente que a MinistryWatch teve acessoa as suas declarações financeiras – foi de US$152 milhões. Contribuições em 2007 totalizaram US$ 16 milhões. No período entre 2003 e 2006, a organização recebeu cerca de US $ 13 milhões a US$15 milhões em contribuições cada um desses anos.

Arquivos do Serviço de Imposto de Renda americano, indicam que em 2009 as contribuições passaram de US$ 18 milhões. Ou seja, quanto mais perto do “fim”, mais o ministério arrecadou. Estima-se que foram gasto cerca de milhões de dólares ao todo na campanha da Family Radio.

Desde ontem o site da radio está fora do ar, mas as transmissões nas estações continuam normalmente, mas apenas com música cristã e programas gravados. Não há uma manifestação oficial sobre a questão. Em 1994, o mesmo Camping havia previsto o final do mundo e depois teve de refazer as “contas”. Desta vez, ele afirmou não haver possibilidade de erro.

Agora, organizações cristãs, como os Batistas do Sul dos EUA, querem que Camping venha a público pedir perdão por ter dado motivo para a fé cristã ter sido ridicularizada, como mostra o vídeo da rede NMA e centenas de outros artigos, fotomontagens e video que surgiram na internet nos últimos dias. Um fato curioso é que ontem o termo “Jesus” voltou a ser o mais procurado no Google e “arrebatamento” esteve por várias horas entre os 10 mais acessados.

Agência Pavanews, com informações de Christian Post L A TimesYahoo News e NMA TV e CBS

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for O arrebatamento não veio, mas ministérios arrecadaram milhões para divulgá-lo

Deixe o seu comentário