Médico pode perder licença após receitar ‘Jesus’ a paciente

Texto de Fernando Moreira publicado originalmente no Page not Found

Um médico da família em Margate (Inglaterra) está sendo investigado após ter “receitado Jesus” a um paciente de 24 anos. A mãe do paciente levou o caso ao Conselho Médico Geral do Reino Unido, e Richard Scott pode perder a licença para exercer a medicina.

Segundo a imprensa britânica, quando a mãe perguntou ao jovem sobre a consulta, o paciente respondeu: “Ele disse apenas que preciso de Jesus”. A mulher ficou furiosa e denunciou Richard. Segundo ela, o médico não atendeu o filho como profissional, mas sim como um pregador.

O paciente, descrito como “no cio e precisando de ajuda”, foi criado em outra fé.

Richard, que tem 28 anos de profissão, defendeu-se, afirmando ter falado de religião apenas ao fim da consulta e com o consentimento do paciente. O médico disse estar sendo vítima de uma onda politicamente correta no Reino Unido que inibe que as pessoas exprimam sua fé no ambiente de trabalho.

“Em nenhum momento o paciente se mostrou ofendido ou que gostaria de interromper a conversa. Caso contrário, eu interromperia imediatamente a conversa”, declarou Richard, que já foi missionário cristão.

Conselho Médico Geral diz que toda consulta não deve ter qualquer conotação religiosa.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Médico pode perder licença após receitar ‘Jesus’ a paciente

Deixe o seu comentário