Professores são inúteis e não gostam de dar aula, diz vereador

Publicado no Terra

Um vereador de Jacareí (SP) causou polêmica na cidade ao escrever uma mensagem no Facebook criticando os professores. Dario Bueno (DEM), conhecido por Dario Burro, afirmou que os professores são inúteis e que não gostam de dar aula. Em entrevista ao Terra nesta quarta-feira, o parlamentar confirmou as críticas e disse que “o fracasso da educação está na falta de vontade dos professores”.

As declarações causaram indignação entre os educadores da cidade. Segundo o diretor estadual do sindicato dos professores, Roberto Mendes, a categoria está revoltada com a posição do parlamentar, que, ao invés de trabalhar para recuperar a educação, faz o contrário. “Ele nega a importância da escola, diz que ela não cumpre o seu papel”, afirma. O sindicato deve entrar com uma representação na comissão de ética da Câmara de Vereadores e com uma ação por injúria.

Dario não teme um processo e afirma que a atitude do sindicato é “repressora”. “Você não pode expressar sua opinião? Eles não aceitam o que eu digo porque eu coloquei o dedo na ferida”, afirma. De acordo com o vereador, a culpa pelo elevado número de analfabetos que ainda existe no País é dos educadores. “Eles deveriam parar de reclamar e trabalhar. Falam do salário, criticam os governantes, dizem que o problema são as famílias desestruturadas, mas na verdade usam isso como motivo para não dar aula”.

O político, que não chegou a concluir a graduação em Letras, trabalhou quatro anos como professor na rede municipal, estadual e particular da cidade, mas afirma que abandonou a profissão após assumir o cargo na Câmara Municipal. “Larguei para poder me dedicar à atividade parlamentar”. Segundo ele, por comodismo, os professores não aceitam um programa pedagógico mais dinâmico e tentam prejudicar o esforço daqueles que são dedicados. “Isso aconteceu comigo”, comenta.

Ele cita o esforço de Paulo Freire para promover a alfabetização como um exemplo positivo e questiona os educadores por não demonstrarem o mesmo esforço. “Cada município destina 25% do seu orçamento para a educação, mas como que com tanto dinheiro têm estudantes que chegam na 7ª série sem saber escrever?”. Ele afirma que, em Jacareí são liberados R$ 75 milhões anuais para promover a educação. “É muito dinheiro, era para termos todo mundo alfabetizado”, conclui.

O diretor do sindicato disse que os professores concordam que a educação está em crise, mas que a escola vive isso por causa da falta de estrutura, de condições de trabalho, pelos baixos salários. “Esse mesmo vereador que critica os professores ajudou a aprovar um reajuste que dobrou seu salário, de R$ 5 mil para quase R$ 10 mil. Ele não percebe a discrepância com um educador que, quando consegue receber o piso nacional, ganha R$ 1.100”, diz Roberto Mendes.

vídeo via BURRO Dario Bueno

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Professores são inúteis e não gostam de dar aula, diz vereador

6 Comentários

  1. Realmente ela gostava muito de lecionar, gostava tanto que preferial a vida de parlamentar, brincadeira, ele mesmo se enquadrou no que ele afirma, é cada uma!!!!

  2. Walison de Paula disse:

    Dá para acreditar nisso! A verdadeira razão da crise da educação é o fato de haver gente ‘burra’ no parlamento. Esse cara é a figura estampada na própria camiseta!

  3. Sergiogleria disse:

    Não é à toa que ele tem esse apelido !!!  kkkkkkkkkkkk
    Sérgio Gléria

  4. Façamos o seguinte sr. Vereador, abra mão de seu salário de 10 mil (fora as regalias) e passe a trabalhar por R$ 1.100. Vamos ver por qt tempo o sr. trabalhara com tanto impeto (se é q o faz agora)

    Faça-me o favor hein? Ainda quer achar que está certo com isso.

  5. Otintureiro disse:

    não é falta de vontade não,  é falta de carater vergonha falta de palavra falta de fiscalização nas escolas publicas principalmente dos pais os verdadeiros contribuintes e interessados  para que tudo corra bem  e necessário que frequentem a escola de seus filhos regularmente e faça valer o que diz a diretrizes de base da educação a lei cumpre se  e não se pede favor na falta disso os professores deitam e rolam se achando donos do patrimônio publico criando oligarquias para seus interesses pessoais da classe quando falam mal de aluno falam no coletivo mas quando são fiscalizados se sentem ofendidos e injustiçados ao ponto de querer processar quem teve coragem de denuncia los publicamente e preciso que as autoridades competentes tomem pulso da situação pois vivemos um estado de direito e esta situação tem que seguir como manda a regra professor que acha que ganha pouco mude de profissão afinal não entrou nesta enganado a 50 anos que vejo falar que funcionário publico ganha mal no entanto ate brigam por uma vaga depois que entram vão fazer coro com os grevistas e com isto perdem as nossas crianças o verdadeiro futuro do brasil  e preciso que se retirem todos os professores pois ja estão todos contaminados e se coloque uma nova safra de seres humanos dignos e competentes que realmente tenham talento e queiram mudar tudo isto que esta ai só assim chegaremos ao primeiro mundo com louvor a que temos direito e merecemos pois somos inteligentes educados cultos e acima de tudo humildes

  6. Steam Baron disse:

    Trabalhou de professor e largou pra virar vereador? Traiu o movimento, véio!

Deixe o seu comentário