Vibrador com tecnologia USB é luxo erótico

Quando o assunto é sério: discrição é o ponto alto no design do Duet  (Foto: Divulgação)

Aline Carvalhal, noTechTudo

O pequeno Duet seria apenas mais um vibrador na prateleira não fosse seu diferencial geek. Além das funções básicas, ele ainda satisfaz quando o assunto é armazenar dados. O vibrador chega a comportar até 16GB e pode ser carregado em qualquer porta USB. São quatro opções de vibração, cinco níveis de energia e funcionamento quase silencioso. Essa discrição pode ser vista inclusive no design que de tão alternativo nem parece objeto sexual.

Se deixarmos de lado informações de seu uso prioritário, ele é ainda surpreendente. O corpo de silicone e metal é completamente à prova d’água. Você pode mergulhá-lo até três metros de profundidade, e claro que pode usar no banho. A parte discutível (como se todo o resto não fosse) fica a cargo da memória flash. Levando em conta que ela seja usada majoritariamente para armazenar conteúdo erótico, vale a reflexão: qual o sentido de guardar dados se você não pode acessá-los e usar o vibrador ao mesmo tempo?

O Duet atualmente está buscando patrocínio no CKIE, uma incubadora virtual. Caso queira se aventurar nesse universo geek-erótico, você precisará desembolsar $75 pelo modelo base (que custará $140 quando estiver oficialmente à venda), $125 pela memória de 8GB ($190) e $250 ($350) pelo modelo de luxo de 16GB que vem com uma capa dourada.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Vibrador com tecnologia USB é luxo erótico

Deixe o seu comentário