Sarney: ‘A música evangélica faz parte da música popular brasileira’

Tércio Ribas Torres, na Agência Senado [via Correio do Brasil]

O presidente do Senado, José Sarney, recebeu na tarde de sexta-feira (16) a visita do presidente do Fórum Evangélico Nacional de Ação Social e Política (Fenasp), Wilton Acosta, e do presidente da Associação dos Parlamentares Evangélicos do Brasil e deputado estadual de Sergipe, Antonio dos Santos.

Eles vieram pedir a Sarney o apoio na tramitação do projeto de lei da Câmara (PLC) 27/2009, que prevê o reconhecimento da música evangélica e dos eventos a ela relacionados como manifestação cultural. Com o reconhecimento, os eventos poderiam ter amparo nos programas oficiais de apoio à cultura, como a Lei Rouanet.

O projeto, de autoria do ex-deputado Rodovalho (DF), já foi aprovado na Câmara e tramita agora no Senado. Sarney manifestou apoio às demandas apresentadas e prometeu agilidade na tramitação do projeto.

– A música evangélica faz parte da música popular brasileira – afirmou.

Segundo Wilton Acosta, a aprovação da matéria é um anseio da comunidade e dos artistas evangélicos do Brasil. Já o deputado Antonio dos Santos lembrou que os evangélicos somam cerca de 40 milhões de brasileiros.

Os religiosos também convidaram Sarney para o Encontro Nacional de Lideranças Evangélicas, que vai ocorrer nos próximos dias 18 e 19 de novembro, na Câmara Legislativa do Distrito Federal, em Brasília. No encontro, os evangélicos vão homenagear, além de Sarney, o presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS) e a presidente da República, Dilma Rousseff.

foto: Blog Ministério Cassiane

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Sarney: ‘A música evangélica faz parte da música popular brasileira’

15 Comentários

  1. Não me espanto com o fato de quem tem Edir Macedo e Estevam Hernandes como “líder de fé” homenageie e peça ajuda ao Sarney. Pra ser um líder crente, Sarney só precisa de uma credencial. O perfil ele já tem!

  2. Anônimo disse:

    Maravilha! lol

  3. Igreja e política devem manter distância uma da outra. Nessa parte só a CCB mesmo pra dar exemplo.

  4. David Molero disse:

    Excelente projeto, parabéns ao autor.

  5. David Molero disse:

    Vocês estão confundindo o líder político presidente do senado com as peculiaridades do Sarney.

  6. Souhud disse:

    É uma vergonha homenagear esse safado, pessímo exemplo vocês estão dando!!!

  7. Nanehmz disse:

    QUE ABSURDO! 

  8. Carlin disse:

    O inusitado é que enquanto lia este texto, a Tv Mirante (afiliada da Globo no Maranhão e de propriedade da familia Sarney) veiculava uma matéria que tratava a respeito das mulheres que trabalham nas florestas de coco babaçu. Subnutridas, tiram dali o único sustento de suas familias; a única refeição do dia é um punhado de farinha com água temperada com pimenta. Quem já tentou quebrar um coco babaçu sabe quão difícil é a tarefa; junte-se a isso o calor infernal de 40° em média e o estômago rugindo de fome. O reporter disse que dos 50 municípios mais miseráveis do Brasil, 35 são do Maranhão. Sou do Rio de Janeiro e morei no Estado do Maranhão por 4 anos e 8 meses por motivos profissionais. Viajei por muitas cidades e lugarejos do interior e o povo vive em penúria, fome, miséria, ignorância, doença, humilhação e desesperança.

    Quando vejo as muitas alianças espúrias e interesseiras, as politicagens, os jogos de poder, e as descaradas buscas por ascenção, status e fama midiática percebo que os evangélicos dia após dia estão mais distantes do Evangelho com sua simplicidade e defesa óbvia dos desvalidos, explorados, marginalizados e todo tipo de gente que a gente não quer. Prostrarem-se suplicantes ao responsável pela desgraça de todo um povo é demonstração clara de que estão perdidos e de quão satânico se tornou o “movimento”.

    Todos os sanguinários ditadores da terra tiveram na religião seus aliados mais caninamente fiéis ( que os cães me perdoem).

    Vou parar por aqui por que já não tenho mais palavras para expressar minha indignação e revolta. Não guardo mais nenhuma expectativa de que os evangélicos se arrependam e se convertam ao Evangelho e vejo no horizonte que tudo será em breve muito pior.

    Que Deus O Pai proteja nossas mentes e corações.

    Carlos Alberto-Pr

  9. Leandro Deon disse:

    Wesley, cadê o respeito pelas autoridades?
    Arrancaram o capítulo 13 de Romanos da sua Bíblia?

    • Carlin disse:

      Respeito Leandro Deon não significa subserviência e aceitação passiva de desmandos, corrupção e abuso de poder. Você – como a maioria dos religiosos – vive em alienação e profunda ignorância no que diz respeito à política nacional e às coisas que de fato interessam ao povo brasileiro. Se Moisés lesse Rm 13 ele deixaria de fazer o êxodo livrando o povo de Israel da opressão egípcia? Se João o Batista lesse Rm 13 ele deixaria de confrontar Herodes? Se Jesus lesse Rm 13 ele deixaria de confrontar as autoridades religiosas e as do império romano? Sim, eles deixariam de fazer o que fizeram e de ser quem são se lessem Rm 13 com os seus “óculos” de estupidez religiosa.

      É mais comum do que você pensa o uso da Bíblia para justificar a covardia e a omissão; e a razão é óbvia: Moisés deixou os confortos e privilégios do palácio faraônico para ser andarilho no deserto; João o Batista foi decapitado e O Senhor Jesus todos sabemos bem o que significou para ele se insurgir contra autoridades despóticas; atitudes que vocês jamais tomariam por estarem tão mundanamente apegados a tudo aquilo contra o que todos os Profetas, Apóstolos e o próprio Senhor combateram e denunciaram como perdição .

      Em outras palavras, eles consideraram como merda aquilo pelo que vocês mais buscam como mel.

      Lamentável, lastimável!!!

      Carlos Alberto-Pr

      • Reensieg W. O. L. disse:

        PERFEITO.

        Irmão Carlos, tenho este sangue e busco o desenvolvimento pessoal para que possa lutar contra as injustiças, e como Davi, sempre atender aos pobres, órfãos e viúvas. Sei que Paulo, quando foi preso não deixou de perseguir seus direitos (“crente” não precisa ser tolo e ignorante. Humildade é bem diferente.), mas antes reclamou-os, e tão somente quando se desculparam veemente à ele, que ele os perdoou o mal que lhes havia cometido injustamente ao serem presos.

        Gostaria que pudéramos dialogar. Adquirir uma porção a +, que está sobre tua vida.

        Se possível, por favor entre em contato (envie qualquer e-mail identificando-se): reensieg@yahoo.com.br.  QUE O SENHOR TE ABENÇOE, A TI E TUA FAMÍLIA. Brass**

  10. Leandro Deon disse:

    Só não sei quem é essa moça na foto.
    O texto não diz quem é…

  11. Tercio Ribas Torres disse:

    Olá, Pava! Legal ver uma matéria minha aqui. Parabéns pelo site e grande abs. Tércio

  12. Francisco disse:

    Os evangélicos de tempos em tempos protagonizam episódios ridículos na área política.

Deixe o seu comentário