Top 10 convertidos da música

Publicado originalmente no Virgula

Rodolfo Abrantes, ex-vocalista dos Raimundos. No auge da carreira, o roqueiro se converteu e deixou a banda, famosa pela irreverência e letras recheadas de palavrões. Convertido à igreja Evangélica em 2001, Rodolfo passou a ser incompatível com o grupo, desinteressado demais com o estilo de vida rock’n roll para continuar cantando letras debochadas e recheadas de palavrões.

Desligado dos Raimundos, montou o projeto Rodox, que chegou ao fim em 2004. Completando 39 anos nesta terça-feira (20 de setembro), Rodolfo prefere se manter longe do grande público e da mídia, seguindo uma carreira solo orientada por temas cristãos e espirituais.Hoje em dia ministra cultos na igreja Bola de Neve.

O caso de Rodolfo não é o único na música; outros artistas também realizaram mudanças significativas em suas carreiras por conta de doutrinas religiosas. Alguns não foram tão radicais: por mais que fizessem parte de grupos de rock e heavy metal – considerados por muitos religiosos como satânicos -, sua fé não interferiu em seu trabalho musical.

Pegando carona no ‘bonde da religião’, o Virgula Música fez um Top 10 de artistas convertidos. 

Alice Cooper
ficou conhecido pelas performances teatrais, com cenários de filme de terror, muito sangue, aparelhos de torturas, mortes simuladas e maquiagem obscura. O cantor se converteu ao Cristianismo, deixou o alcoolismo e as drogas de lado, mas não abandonou sua persona horripilante.


Nicko McBrain, baterista do Iron Maiden, converteu-se ao Cristianismo com sua esposa Rebecca em meados de 2000. Segundo relatos do próprio, sua esposa orava por ele há bastante tempo e ao entrarem os dois na igreja, Nicko teria chorado e ouvido um chamado divino.


Dave Mustaine foi um dos primeiros membros do Metallica e também o fundador do Megadeth. Sua fama de briguento e beberrão causou sua expulsão da primeira banda. Em 2002, depois de um acidente, converteu-se e afirmou que o Megadeth não tocaria mais com bandas satânicas.


Brian “Head” Welch, ex-guitarrista do Korn, largou o grupo em 2005 por conta da conversão ao Cristianismo. No final de 2008, lançou seu primeiro disco solo, Save Me From Myself. No álbum, o músico aborda questões particulares da sua vida, como a luta para deixar as drogas, os motivos que o levaram a sair da banda e seu encontro com Deus.
Billy Corgan, líder do Smashing Pumpkins, já disse que “Deus é vazio como eu” (na canção Zero). Anos depois, Corgan começou a transparecer cada vez mais uma busca dogmática. Apesar de não se associar a nenhuma religião específica, incorporou elementos do Catolicismo e Budismo em sua filosofia. Tanto que, em 2009, o músico lançou o site espiritual Everything From Here to There.


Baby Consuelo virou Baby do Brasil depois de passar por inúmeras experiências sobrenaturais até converter-se ao Cristianismo no fim da década de 90. Hoje, além de cantora, é uma Pastora que prega e ministra na igreja Ministério do Espírito Santo de Deus em Nome de Jesus.


A sertaneja Sula Miranda fez fama como a Musa dos Caminhoneiros, mas anos mais tarde entrou para a Igreja Universal do Reino de Deus. Convertida, chegou a declarar que sexualidade de sua sobrinha lésbica Thammy (filha de Gretchen) é errada.


De 1975 a 1977, Tim Maia aderiu à doutrina Cultura Racional, lançando neste período os álbuns Tim Maia Racional, volumes 1 e 2. Estes discos são considerados por muitos os melhores do cantor, com grandes influências de funk e soul. Nesta época, Tim Maia manteve-se afastado dos vícios, o que refletiu na qualidade de sua voz. Mais tarde, desiludido com a doutrina, o cantor tirou de circulação os álbuns, que viraram itens de colecionador.


Bob Dylan lançou três álbuns cristãos entre 1979 e 1981. Em 2009, ao lançar um disco natalino, declarou ser “um crente verdadeiro”.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Top 10 convertidos da música

3 Comentários

  1. O Dave Mustaine continuou cantando as música “satânicas” já que o Megadeth fez parte da Big Four Tour em 2010.

  2. Ycristy disse:

    faltó Juan Luis Guerra

  3. Franco disse:

    Se o chimbinha se converter, quebro minha guitarra e deixo de ser crente….kkkkk

Deixe o seu comentário