Amor horizontal

Caroline Celico

Como podemos amar alguém que nos odeia, nos machuca, nos faz mal? É possível amar novamente depois de uma decepção? É possível amar depois de ser traído? É possível restaurar o amor que esfriou? É possível amar quando não se recebe nada em troca? É possível retribuir grosserias e maus tratos com amor?

Existiu uma vez a lei “olho por olho, e dente por dente”, que pregava: o que fizerem com você devolva na mesma moeda e se possível, pior ainda! Mas eu optei viver o que Jesus ensinou: quando te derem um tapa no rosto, ofereça ainda a outra face.

Isso ensina muito sobre uma grande lição: antes de vir o amor, vem o perdão. Se não pudermos perdoar, não vamos conseguir amar. A Bíblia diz que devemos amar quem está ao nosso redor (não só nossos namorados, maridos, pais, filhos, familiares, amigos, mas também nossos inimigos) assim como nós mesmos nos amamos. Nem menos, nem mais, mas tal como você se ama! Aí cabe a famosa frase: “Será que eu gostaria se isso acontecesse comigo?”. Se não, esforce-se e não faça com ninguém.

Tenho visto coisas que não desejo nem mesmo para o pior assassino dessa terra. E perdoo.  Mesmo que não seja comigo. É melhor, embora seja mais difícil, e fará tão bem para mim mesma, como para quem não esperava o perdão. Muitas vezes fui surpreendida e surpreendi pessoas ao dizer que as perdoava, mesmo quando elas me xingaram sem motivo, com tanto julgamento e maldade. Eu perdoo, do fundo do coração, não só da boca para fora, como muitos fazem para serem fiéis a alguma conduta que nem sempre acreditam.

Aquele que nos machuca, muitas vezes não é por mal. É por não saber demonstrar seu amor de outra forma. Pode ser que tenha aprendido maltratando e sem o desejo de pedir desculpas, insiste para mostrar como agiu da forma mais correta possível.

Amar verticalmente, falar que amamos a Deus, para alguns é muito fácil. Mas amar horizontalmente, aqueles que estão a nossa volta, esse é o verdadeiro amor a Deus. Isso é ter o seu coração diferenciado do resto do mundo.

Seja você mesmo um doador de amor, dando mesmo a quem não mereceria seu amor. Pois antes do seu, ele recebeu um amor muito menos merecedor que o seu: o de Deus. Lembre-se disso e ame, perdoe e peça perdão.

fonte: Tumblr da Carol Celico

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Amor horizontal

Deixe o seu comentário