Quem nunca? Um em quatro homens sonha com ex-namoradas

Patricia Zwipp, no Terra

A constatação de uma pesquisa realizada pela empresa Premier Inn, do Reino Unido, não vai agradar as namoradas ciumentas: um em cada quatro homens sonha regularmente com as ex-namoradas. Por outro lado, mais de um terço das mulheres disseram costumar sonhar com seus atuais parceiros. Os dados são do jornal Daily Mail.

O levantamento contou com a opinião de 2 mil britânicos de ambos os sexos. Concluiu também que esses homens que veem imagens das antigas parceiras durante o sono não querem reatar com elas. Na verdade, a maioria relatou altos níveis de satisfação com o relacionamento novo.

A explicação, segundo a especialista em sonhos Davina MacKail, é que as mulheres tendem a ser mais emocionalmente abertas e, então, sonham com problemas do namoro ou casamento atual, enquanto os homens costumam não explorar o que sentem.

“Isso significa que eles têm uma tendência para resolver questões por meio de seus sonhos e, consequentemente, sonham com a ex. Pode ilustrar as vulnerabilidades e inseguranças emocionais que estão explorando com a parceira atual”, disse Davina ao Daily Mail.

Do grupo de participantes do sexo masculino, 26% contaram que sonham com colegas de trabalho e chefes. Por incrível que pareça, as sogras também marcam presença em seus momentos de descanso. Um terço das pessoas do sexo feminino disse sonhar com amigos, sendo que outros temas recorrentes são seus pais e filhos.

As tensões da vida cotidiana afetam as noites de homens e mulheres, com 31% afirmando sonhar com assuntos importantes. “A pesquisa mostrou que sonhamos, na maioria das vezes, quando algo está nos incomodando ou quando estamos vivenciando estresse. Então, ter uma pequena pausa para ficar longe de tudo isso poderia ajudar a desligar e desfrutar de uma boa noite de sono”, acrescentou Claire Haigh, porta-voz da Premier Inn.

foto: Getty Images

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Quem nunca? Um em quatro homens sonha com ex-namoradas

1 Comentário

  1. O que acho engraçado dessas pesquisas é que elas são feitas em um lugar específico, nesse caso no Reino Unido. Será que no Brasil seria do mesmo jeito?

Deixe o seu comentário