Time inglês demite jogador que fez comentário homofóbico no Twitter

Lee Steele (esq) fez comentário sobre Gareth Thomas (dir) e foi dispensado de seu clube

Lee Steele (esq) fez comentário sobre Gareth Thomas (dir) e foi dispensado de seu clube

Publicado originalmente no UOL

O atacante Lee Steele foi dispensado do Oxford City, time de futebol da Inglaterra, após fazer um comentário homofóbico no Twitter sobre Gareth Thomas, ex-jogador profissional de rúgbi e participante do Big Brother inglês de celebridades.

Na rede social o jogador, de 38 anos, escreveu que “não escolheria a cama ao lado de Gareth Thomas”.

O treinador da equipe, Mike Ford afirmou que a dispensa de Steele foi uma das coisas mais difíceis já feitas por ele no futebol. “Nesta ocasião, Lee teve de pagar por seu erro de julgamento. Fez um comentário homofóbico, mas isso não quer dizer que ele é homofóbico”, lamentou.

O clube divulgou um comunicado justificando a dispensa do jogador por sua “atitude totalmente contrária a ética do clube”. O jogador preferiu não dar declarações sobre o ocorrido.

Atualmente, o Oxford disputa a League Two, o que corresponde a quarta divisão do Campeonato Inglês.

se eu continuar chamando os são-paulinos de “bambis” tb serei processado por homofobia, arnaldo?

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Time inglês demite jogador que fez comentário homofóbico no Twitter

Deixe o seu comentário