Protesto contra ‘BBB’ reúne 20 pessoas

Pequeno movimento

Publicado originalmente no Adnews

Mesmo com apoio de mais de 80 entidades, o protesto contra a Globo e o “Big Brother Brasil” não causou grande mobilização. O portal Terra foi até a frente da emissora nesta tarde e constatou que apenas algo em torno de 20 pessoas compareceram.

A princípio, nem mesmo carro de som era permitido, mas depois a Polícia Militar resolveu liberar, desde que em um volume que não atrapalhasse quem estava trabalhando.

Arnaldo Marcolino, contratado da Globo como técnico de manutenção eletrônica, foi um dos que se dispôs a falar ao microfone: “A Rede Globo é só um CNPJ, quem tem a concessão pública são as famílias.” Ele, que é diretor de um sindicato, garantiu à reportagem que mesmo se não tivesse estabilidade garantida, participaria do ato.

Uma das manifestantes, Jacira Melo, do instituto Patrícia Galvão, chegou a comparar o acontecimento desta sexta-feira, 20, com as Diretas Já – em que, em um comício ocorrido no centro de São Paulo, reuniu 1,5 milhão de pessoas.

“A últma vez que a Globo foi contestada, como agora, foi no movimento das Diretas Já!”, afirmou.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Protesto contra ‘BBB’ reúne 20 pessoas

Comentários fechado.