Propaganda de Alckmin ‘antecipou’ fenômeno ‘Luiza, que está no Canadá’

Publicado originalmente na Folha.com

Uma propaganda eleitoral do então candidato a prefeito de São Paulo Geraldo Alckmin em 2008 está sendo lembrada por internautas como “antecessora” ao fenômeno “Luiza, que está no Canadá”.

No programa, que encerrava o horário eleitoral na TV na campanha daquele ano, Alckmin reúne sua família em uma sala, menos Geraldinho, que estava no México.

No sofá, ao lado de Alckmin, estavam sua mulher, Lu Alckmin, seu filho Tomás, sua filha, Sophia, e seu genro, Mário. “Só está faltando o Geraldo, que está trabalhando lá no México.”

Alckmin sequer foi ao segundo turno na eleição daquele ano, vencida por Gilberto Kassab. Dois anos depois, em 2010, foi eleito governador de São Paulo.

A frase que deixou Luiza famosa, dita por seu pai –colunista social Gerardo Rabello– no comercial de uma construtora da Paraíba, é: “Menos Luiza, que está no Canadá”.

Outra semelhança entre os dois comerciais é a posição das pessoas no vídeo, sentados em uma sala. O publicitário responsável pelo filme, Alberto Arcela, afirmou desconhecer a propaganda eleitoral de Alckmin.

Compare as duas propagandas:

Veja o vídeo do comercial:

Veja o vídeo da propaganda de Alckmin:

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Propaganda de Alckmin ‘antecipou’ fenômeno ‘Luiza, que está no Canadá’

1 Comentário

  1. Apenas coincidência. Minha opinião.

Deixe o seu comentário