Maradona: “Que o Pelé volte para o museu, que tome o remédio certo”

Pelé foi homenageado com uma estátua no estádio da Amizade, em Libreville, no Gabão

Publicado originalmente no UOL

A troca de farpas entre Diego Maradona e Pelé parece não ter fim. Desta vez, quem partiu para o ataque foi o ídolo argentino, que cutucou o maior jogador de futebol de todos os tempos. O ex-jogador e hoje treinador do Al Wasl, de Dubai, pediu, com ironia, que o brasileiro “volte ao museu e tome o remédio certo”.

“Que o Pelé volte para o museu, que tome o remédio certo. Não pode errar os remédios e fazer maluquices. Isso acontece quando você mistura a vermelha com a branca”, disse Maradona em Dubai à rádio portenha La Red.

As cutucadas de Maradona acontecem poucos depois de Pelé ter sido homenageado com um busto no estádio da Amizade de Libreville, no Gabão, local onde será disputada no domingo a decisão da Copa Afriacana de Nações. A homenagem aconteceu em memória à passagem do Santos pelo país em 1967, quando a presença do time brasileiro fez com que uma guerra civil fosse interrompida.

Mesmo assim, Maradona não poupou criticas ao Rei do Futebol e citou a reaproximação de Pelé com a Fifa por conta da organização da Copa do Mundo de 2014. “Prefiro tomar cerveja com Ronaldo, ser amigo do Zico, poder falar com Rivelino”, declarou o técnico e completou que “se tiver que pertencer à família da Fifa, prefiro ser órfão”.

O argentino ainda falou sobre as críticas que recebe em seu país, onde declarou se sentir um exilado, e  reforçou o desejo de comandar do banco de reservas o Boca Juniors. “Acredito que um dia ainda irei dirigir o Boca”, completou.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Maradona: “Que o Pelé volte para o museu, que tome o remédio certo”

3 Comentários

  1. Cara, como podemos eleger um jogador como o “melhor de todos os tempos?” E, pior, como esse mesmo jogador, falando sobre si sempre na terceira pessoa, pode acreditar?  

  2. Lou Mello disse:

    Nós sabemos bem qual é a única coisa que o Pelé soube fazer bem na vida. E nunca foi falar. Agora, o Maradona tá mais sujo que pau de galinheiro e deveria ficar bem quietinho, também. Em termos futebolísticos não pode haver comparações entre os dois.

Deixe o seu comentário