Osama bin Laden desejava casar com Whitney Houston, diz site

Publicado originalmente na Folha.com

Osama bin Laden queria se casar com Whitney Houston

Osama bin Laden, líder do grupo terrorista Al Qaeda, morto em maio de 2011, foi um grande admirador de Whitney Houston, e chegou, inclusive, a declarar que gostaria de se casar com a cantora.

De acordo com o semanário musical “NME”, a ativista e poeta Kola Boof, uma mulher próxima de Bin Laden, que afirma ter sido sua escrava sexual, disse que o terrorista expressava com frequência sua vontade de ir aos EUA para conhecer Houston, que morreu no último sábado, em Los Angeles.

Em sua autobiografia, “Diário de uma Jovem Perdida”, Boof diz que ele “tinha um desejo ardente por Whitney Houston, e por mais que reclamasse que sua música era do mal, ele disse que um dia gastaria grandes quantias de dinheiro para ir à América e tentar arranjar um encontro com ela.”

Bin Laden citava constantemente o nome da diva pop, conta Boof em seu livro, e dizia “o quão bonita ela era, como era incrível seu sorriso”.

Ele também acreditava que Whitney era “uma verdadeira islâmica”, mas que a cultura americana e o ex-marido da cantora, Bobby Brown –o qual desejava matar– tinham feito nela “uma lavagem cerebral”.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Osama bin Laden desejava casar com Whitney Houston, diz site

1 Comentário

  1. kkkkkkkkkk era só o que faltava! 

Deixe o seu comentário