José Júnior do AfroReggae acusa pastor Marcos Pereira de querer matá-lo

José Júnior acusa o pastor Marcos por articular atentados no Rio

Antero Gomes e Giampaolo Braga, no Extra

Eles tinham um objetivo em comum. Estavam juntos numa missão difícil de ser criticada: retirar traficantes do crime e ressocializar detentos. Um, pela fé, o outro, pela música e pelo trabalho, iam convertendo cadeias e favelas.

E pareciam parceiros, até amigos. Ontem, porém, José Júnior, coordenador do AfroReggae, decidiu bater de frente com o pastor Marcos Pereira da Silva, líder da Assembleia de Deus dos Últimos Dias. Acusa o pastor de ser “a maior mente criminosa do Rio de Janeiro”.

Afirma que o religioso está por trás dos ataques que aterrorizaram a cidade no fim de 2006, logo após a eleição de Sérgio Cabral para governador do estado. E diz que, se ele ou algum membro da ONG for morto, o mandante é o pastor.

Segundo José Júnior, ele e o pastor Marcos se conhecem entre 2006 e 2007. Por pelo menos dois anos, o coordenador do AfroReggae foi um fiador das ações do religioso. Quando o pastor botou os pés na Penitenciária Moniz Sodré, no Complexo de Gericinó, em julho de 2008, depois de quatro anos proibido de pregar em presídios pela Secretaria estadual de Administração Penitenciária, foi pelas mãos de Júnior que ele conseguiu entrar.

A pregação de Marcos Pereira dentro da cadeia — uma mistura bem calibrada de show, teatro e culto — foi usada num dos episódios do “Conexões Urbanas”, programa de TV produzido pelo AfroReggae. Nele, Júnior elogiava o pastor e sua atuação no resgate dos bandidos da vida criminosa. Mas tudo mudou.

As denúncias que fez ontem, de acordo com José Júnior, foram detonadas pelo medo de que algo seja feito contra membros do AfroReggae — alguns deles, ex-traficantes ainda cumprindo pena em regime semiaberto.

José Júnior: ‘Pastor Marcos é um psicopata!’

José Júnior se diz ameaçado e ataca: pastor é responsável por articular atentados

Antero Gomes, no Extra

A paisagem colorida do Rio, tostada pelo sol do verão, invade as janelas da sede o AfroReggae, numa cobertura na Lapa. Lá dentro, as salas também são cheias de cor. Menos a sala de José Júnior. Lá, tudo é branco: paredes, estantes, sofá, cadeiras, computador. O próprio coordenador da ONG se veste de branco da cabeça aos pés. A paz do ambiente, porém, não se reflete no discurso de Júnior sobre o pastor Marcos.

Veja a entrevista de José Júnior:

Qual era a sua relação com o pastor Marcos?

O pastor é uma pessoa que eu ajudei muito. Conheci os trabalhos de ressocialização dele em 2006, 2007. Muitas pessoas do bem já tentavam nos aproximar. Eu botei ele bem na fita. Mas o mesmo cara que botou ele bem na fita está falando (mal) dele. Não tem contradição. Na verdade, eu me sinto traído. Porque eu defendi o cara.

Em qual momento houve esse estremecimento?

Ele já falava mal de mim antes, e eu descobri com pessoas do tráfico porque ele me via como concorrente. Até um tempo atrás, as pessoas só tinham uma opção de largar o crime: ir para a igreja dele. Por mais que tivesse o AfroReggae, ele era em (grande) escala e eu era no varejo. Agora, a situação se inverteu: eu pego em escala e ele, no varejo. Ele começou a me ver como concorrente e passou a falar isso nas favelas.

Qual foi o estopim do rompimento entre vocês?

Depois de um programa do “Conexões Urbanas”, que foi ao ar logo após a queda do helicóptero (da PM, derrubado por traficantes no Morro dos Macacos em outubro de 2009), mas que havia sido gravado meses antes, houve uma segunda leva de transferências de traficantes. E ele (pastor) foi a várias favelas dizer que eles foram transfertidos por causa do meu programa, e não por causa do helicóptero. Quando ele faz isso, ele decreta a minha pena de morte. Até que, em 2010, você pega uma carta para (o presídio federal de) Catanduvas que, além de mandar atacar as UPPs e coisa e tal, pedia autorização para me matar.

Por que você não foi morto?

Sou um defunto muito caro.

Você atribui crimes a ele?

Os ataques no Rio, ele foi o mentor dos ataques. Todos. No de 2006, ele estava por trás. Esses traficantes são estagiários perto dele. Ele manipula os traficantes. Alemão 2010 (os ataques antes da ocupação do conjunto de favelas)? Ele está envolvido. Sabe que ele fazia nos presídios? Mandava fazer rebelião para ele ir lá. Por isso ele foi proibido de entrar. Ele mandava (fazer) uma rebelião e dizia “Olha, me chama, faz uma bagunça e manda me chamar”.

São acusações graves…

Eles quatro (aponta para pessoas que trabalham no AfroReggae, que estavam na sala) foram bandidos, eles trabalharam para o crime. Mas ele (pastor Marcos) inverteu a lógica: é o crime que passou a trabalhar para ele. A lógica se inverteu pela primeira vez. Esse cara não está a serviço do crime: o crime está a serviço dele.

Mas o que motivaria isso? Poder? Dinheiro?

O pastor Marcos Pereira ele é um psicopata. Ele é um cara do mal. Talvez seja a maior mente criminosa do Rio de Janeiro. Ele toma atitudes criminosas. Não se satisfaz somente em ter dinheiro, como também quer que as pessoas que competem com ele sejam mortas. Ele é um cara que fez o bem? Fez para muita gente. Ele sempre foi bandido? Acho que não. Mas o poder prostitui. Acho que, quando eu o conheci, ele já estava prostituído.

O que motivou você a fazer essas denúncias?

Eu não posso me omitir ou deixar de fazer o que a gente faz (no AfroReggae). Se aparecer, algum dia, arma dentro do AfroReggae, foi ordem ele. Se aparecer cocaína, foi ele quem mandou colocar, para desmoralizar. Se me acontecer qualquer coisa, Marcos Pereira da Silva é o responsável. Ele é o mandante. Ele só não apertou o gatilho, mas ele botou pilha para o cara apertar o gatilho.

Veja agora o que disse o pastor Marcos Pereira, da Assembleia de Deus dos Últimos Dias:

O pastor Marcos Pereira da Silva atribuiu, ontem, as acusações à “dor de cotovelo” de José Junior. Segundo o pastor, o coordenador do AfroReggae “deve estar sentindo inveja”.

— É uma hipótese. Ele deve estar sentindo inveja do meu trabalho. Antes de ele fazer trabalho de ressocialização, eu já fazia isso. Eu já faço trabalho há alguns anos — afirma Marcos Pereira.

O pastor diz também que José Júnior teve a cabeça “envenenada” por um ex-pastor que saiu insatisfeito da sua igreja, a Assembleia de Deus dos Últimos Dias. Marcos Pereira conta que não fala com José Junior há cerca de dois anos.

Na última conversa, os dois discutiram. José Júnior lembrou da ocasião. Ele disse que ligou para o pastor para reclamar de o religioso estar denegrindo sua imagem nas favelas.

— Quando a gente se conheceu, foi o José Júnior quem me procurou. Não eu. Ele veio até mim trazido pela mão de um parente do (traficante) Marcinho VP. Levei-o a várias comunidades. Por sinal, o AfroReggae me homenageou duas vezes — diz o pastor Marcos.

Pastor nega acusações

O religioso nega que tenha comandado os atentados de 2006 e de 2010. Nega também que esteja falando nas comunidades que José Júnior é um informante da polícia.

— Ele (José Junior) pode falar o que quiser. Eu sou a pessoa que mais tem casos de mediação de conflito. Já ajudei a acabar com 13 rebeliões no Rio e uma no Maranhão, entre outras — afirma, acrescentando: — Meu trabalho é sério. Aqui se faz um trabalho social.

Comentários

23 comentários em “José Júnior do AfroReggae acusa pastor Marcos Pereira de querer matá-lo

  1. EU ACREDITO NO QUE O PASTOR FALA…. NÃO SOU EVANGELICO E NÃO O CONHEÇO…MAIS ACHA IMPENSAVEL DIZER QUE UM PASTOR PEÇA PRA UMA REBELIAO ACONTECER E ELA ACONTEÇA.. SE ISSO FOR VERDADE.. A POLICIA JÁ DEVIA TER INTERMEDIADO ESSAS LIGAÇÕES.. E SE ELE MANDA NO RIO.. COMO ELE CONSEGUE ACABAR COM REBELIAO EM OUTRAS ESTADOS.. OU ELE MANDA TAMBÉM QUE ELA ACONTEÇA LÁ NO MARANHÃO POR EXEMPLO…?

  2. agora eu vi…esse pessoar do afroreage tao de brincadeira…ou vcs pensam que no afroreage nao tem ninguem que fume um baseado incluindo o proprio autor das denuncias.Agora se acontecer alguma coisa com eles a culpa é do dito pastor? ta de brincadeira. 

  3. O enredo sempre é o mesmo, é claro que é mais fácil, chamar de errado o cara que não veste a capa espiritual. A maioria têm medo de chamar de errado o pastor, o bispo, o apostolo, pode ser que Deus se enfureça quando uma pessoa simples consegue discerni que um cara ungido a pastor tem o seu lado podre, o seu lado corrupto.

    1. Leonardobmenezes, tu tá de brincadeira de ta acreditando nesse Junior Cesar, cara, não precisa nem ter olhos espirituais para saber quem é esse cara. Pergunta pra ele o que ele foi fazer lá no complexo do alemão quando a policia e o exercito ocupou. Esse tal de Junior Cesar é uma piada, só engana bobo. Agora, ou se arrepende ou vai pagar o que está querendo fazer com um homem de Deus, assim diz a Bíblia.

  4. Jose Junior do Afro Reggae olha a sua aparencia.
    Sera que alguem vai acreditar no que sai da sua boca?
    Olha a sua apraencia e nao toque num filho de Deus.
    Se eu fosse voce eu iria la e pediria perdao ao pastor antes que seja tarde demais e que voce va ao fundo do abismo.
    Nao brinque com um servo de Deus.

    1. Jesus se preocupou com a fama de da prostituta? Ou do adúltero? Ou do cobrador de impostos? Se eu bem me lembro, estes foram guiados pela mão de Cristo, e andaram lado a lado. Jesus não tinha dinheiro, nem boa aparência (a própria Bíblia diz), nem belas roupas, nem posse alguma. Até seu túmulo foi emprestado. Quem se preocupa com a aparência não é Deus…

  5. Difícil saber quem está falando a verdade visto que hoje temos vários lobos vestidos de cordeiros, principalmente no meio que hoje é chamada de ‘evangélico’!!

  6. As relações entre o pastor Marcos e o tráfico sempre foram muito estranhas, fui morador por muitos anos no bairro onde fica a igreja dele no RJ.

  7. Ambas as versões são apenas versões da história. Para mim, há uma coisa muito clara: José Junior não é marginal, como quis fazer crer Marcos Vieira (num comentário, aqui), e nem o pastor é santo, como acredita grande parte das pessoas.

    Apesar da história de José Junior parecer meio mirabolante, eu acredito. Vivo num país onde enredos como esse são bastante comuns: o BRASIL.

    Nosso país é a melhor prova de que o poder e o dinheiro corrompem. E também é um país cheio de preconceitos, onde homens que usam tatuagem e brincos são marginais e homens [que se dizem] de Deus são santos. 

    MINHA GENTE AMIGA, vamos abrir os olhos e analisar ALÉM das aparências, tá certo? Essa é a maior prova de ignorância do ser humano: se deter à aspectos meramente físicos…

    Enquanto isso, os crimes, a máfia, o tráfico, estão acontecendo debaixo dos narizes de vocês!

  8. Há! A aparência. Se conhecêssemos o coração do homem pela aparência ninguém seria enganado. Filho de Deus? Servo de Deus? Quem pode esquadrinhar o coração do homem? Que homem pode julgar verdadeiro outro homem? O que sai da boca de qualquer homem pode ser de Deus ou do diabo. José Junior não olhe para a sua aparência, porque nela pode não haver nenhum valor, mas mantenha o coração do samaritano que busca o bem do seu semelhante e empenha todo o seu ser e o que é de valor material para que todos usufruam. Continue, não pare e não permita ser parado.

  9. Claramente óbvio que o senhor José Junior está muito atarefado com ” telefone sem fio”, ou seja, está fofocando por aí com alguém sobre a vida do pastor marcos pereira que realiza um trabalho social incontestavelmente maravilhoso e de bom grado. O senhor José Junior perdeu realmente o senso comum e o bom senso ao tentar alavancar um tipo de guerra contra o pastor marcos pereira,pois, o mesmo ´tem uma vida regrada a ética e bons costumes não só no convívio social mas também familiar. Manifesto-me no caráter de pronunciador e defensor digamos assim do senhor pastor Marcos Pereira no qual vejo manifestação de obras sociais diuturnamente e também nas madrugadas quando saí as ruas para falar sobre DEUS e resgatar pessoas que estão para serem mortas das mãos do tráfico. E o que o senhor José Junior faz nesse período? Aguarda o dinheiro da ONG na qual é líder? Como ativista social o próprio José Junior deveria ter a consciência do trabalho realizado pelo pastor e se pudesse de alguma forma ajuda-lo já que promove assistência social e não ficar falando pelos cotovelos.

  10. gente pelo amor de Deus esse pastor é muito estranho. tem q investigar sim. o josé junior ñ é nem um ignorante ñ, se ele fez as denuncias concerteza ele esta se sentindo ameaçado.a policia podia começar investigando a origem  daquela coleçao de  carros carissimos q fica exposta lá no patiu da igreja dele eu morei de frente a igreja e sempre achei tudo muito estranho.mas como tudo no brasil acaba em pizza né.vamos ver no q isso vai da.

  11. PESSOAL,ESTA ROLANDO MUITO DINHEIRO PARA ESTAS ACUSAÇÕES,POIS TEM POLITICAGEM NISSSO,POIS DIZEM QUE O VAGUINHO DO PASTOR MARCOS SE CANDITARA COMO PREFEITO DE NOVA IGUAÇÚ E ALGUÉM TEM INTERESSE EM PREJUDICA-LO E ATINGINDO O PASTOR, EM SEGUIDA A CAMPANHA DO MEMBRO DE SUA IGREJA,COM CERTEZA EM BREVE TUDO SE ESCLARECERA,EM QUESTÃO DO PR MARCO, NEM O CONHEÇO, A NÃO SER PELA MIDIA.

    1. Acho que é por ai mesmo,alguem sabe dizer quanto a ONG do José Junior ganha por mês do Governo Estadual? O Pastor pode não ser nenhum Santo mas é muito estranho essa historia surgir em um ano eleitoral onde uma pessoa ligado ao pastor desponta como favorito para ganhar as eleições. Cuidado galera não façam juizo de valores sem conhecer a fundo essa historia.

  12. esse pastor e um tremendo muguirana vem aki na nova holanda fazer esses culto ;que vou te dizer de culto não tem nada  palavra de DEUS  quase não sai da boca dele ,bota um monte de criança na fila passa aquele terno fala que e o anjo gabriel srsrrs cai todas as criança pega dinheiro do trafico de drogas esse safado tem que ir para um presidio federal tanbem safado cadeia nele.

  13. Se jesus cristo que é santo , sofreu calunia , imagine um ser de carne e osso , mas Jesus disse tende bom animo eu venci o mundo , o crente sempre vai sofrer perseguições nesta terra , porque o diabo não quer perder sendo que ele já e´perdedor , o pastor em questão faz uma obra maravilhosa , que nem o governo fez até hoje ,irmãos não julgue este homem ,Deus que é o dono de tudo e que tudo vê ,e sabe de todas as coisas é que tem este direito ,vamos aguarda o que Deus ira fazer , pois eu não acredito nisso para mim é pura calunia , que Deus abençoe a todos !

  14. o pr.marcos perreira è homem serio e de um grande referencial para o povo cristao.isso ai nao passa de simples  acusaçoes contra sua honestidade.

  15. Conheço o Pastor Marcos Pereira, moro em Magé, e afirmo que o mesmo sempre se mostrou uma pessoa abençoadora, um canal de Deus para nossas vidas. Cabe ressaltar que já estive algumas vezes em sua Igreja, e o que vi, foram milhares de bençaos. Tivemos o previlégio de ter sua presença aqui em Andorinhas (Magé). Gostaria de aproveitar o ensejo e mandar a PAZ DO SENHOR para o Pastor Marcos.
    Um abraço do irmão Beto do DP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>