Estética da abdicação – Fernando Pessoa

Imagem: Google

Ricardo Gondim

CONFORMAR-SE é submeter-se e vencer é conformar-se, ser vencido. Por isso toda vitória é uma grosseria. Os vencedores perdem sempre todas as qualidades de desalento com o presente que os levaram à luta que lhes deu a vitória.

Ficam satisfeitos, e satisfeito só pode estar aquele que se conforma, que não tem a mentalidade do vencedor. Vence só quem nunca consegue. Só é forte quem desanima sempre. O melhor e o mais púrpura é abdicar.

O império supremo é o do Imperador que abdica de toda a vida normal, dos outros homens, em quem o cuidado da supremacia não pesa como um fardo de jóias.

[Pessoa, Fernando – O EU PROFUNDO – Obras em Prosa – Editora Nova Aguilar, 1976, pg, 42]

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Estética da abdicação – Fernando Pessoa

Deixe o seu comentário