Partilhar nas redes sociais é como fazer sexo

Publicado originalmente no TVI24

Investigadores da Universidade de Harvard descobriram que a partilha de informações pessoais na Internet dá um prazer semelhante ao de atividades como comer e fazer sexo.

O objetivo do estudo, citado pelo «Los Angeles Times», foi descobrir por que razão as pessoas têm necessidade de divulgar tanto sobre si mesmas em redes sociais como o Facebook, Twitter, Foursquare, Instagram e Pinterest.

Os especialistas verificaram que esta prática ativa a mesma sensação de prazer no cérebro que os atos de comer, receber dinheiro ou praticar relações sexuais.

Durante a investigação, os voluntários foram submetidos a ressonâncias magnéticas ao cérebro enquanto partilhavam informações pessoais nas redes sociais, mostrando que as regiões ligadas à gratificação e ao prazer ficavam ativadas. Quando o assunto eram outras pessoas, a ativação não era tão evidente.

A excitação era maior quando lhes era dito que aquela informação ia ser partilhada por um grande número de amigos, do que quando os informavam que seria privada.

«O estudo ajudo a explicar por que é que as pessoas utilizam as redes sociais tão frequentemente», afirmou uma das investigadoras principais, Diana Tamir.

charge via Noite Mix

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Partilhar nas redes sociais é como fazer sexo

Deixe o seu comentário