SMS estimula sinceridade, diz estudo

Os pesquisadores chegaram à conclusão de que as pessoas podem demorar um pouco mais para responder às mensagens, mas chegam a respostas mais sinceras

Mais pessoas usam mensagens de texto para se comunicar, uma prática que se estendeu sobretudo entre jovens

Publicado originalmente na EXAME.com

A troca de mensagens de textos por celular é uma boa maneira de obter respostas sinceras para perguntas delicadas, segundo um estudo da Universidade de Michigan (EUA) divulgado nesta quarta-feira.

‘Os resultados preliminares indicam que as pessoas são mais propensas a revelar uma informação delicada por mensagens de texto do que nas conversas com voz’, explicou em comunicado Fred Conrad, diretor do Programa de Metodologia de Pesquisa do Instituto de Pesquisa Social (ISR) da Universidade de Michigan.

O resultado foi uma surpresa para os pesquisadores, ‘já que muitas pessoas achavam que o envio de mensagens de texto diminuiria as probabilidades de revelar informações delicadas’.

Os analistas acreditavam que, ao se criar um ‘registro visual’, as pessoas desconfiariam, já que suas respostas podem ser vistas em seu telefone por outros.

Os pesquisadores entrevistaram, via texto e voz, cerca de 600 usuários do iPhone

‘(No entanto), descobrimos que as respostas são mais precisas via texto porque não há a pressão de tempo que existe nas conversas telefônicas’, assinalou Conrad.

Os pesquisadores chegaram à conclusão de que as pessoas podem demorar um pouco mais para responder às mensagens, mas chegam a respostas mais sinceras.

Conrad realizou o estudo junto com Michael Schober, professor de psicologia e diretor da Nova Escola de Pesquisa Social de Nova York, e uma equipe multidisciplinar que incluiu psicólogos, psicolinguistas, analistas de pesquisas, especialistas em informática e colaboradores da companhia telefônica AT&T.

Para o estudo, os pesquisadores entrevistaram, via texto e voz, cerca de 600 usuários do iPhone e analisaram as reações de quando as perguntas eram feitas por mensagens gravadas ou por uma pessoa, ou se o entrevistado estava sozinho ou na presença de alguém, entre outros.

Os participantes responderam a perguntas como quantos exercícios praticavam por semana e quanto álcool consumiram no último mês. Os especialistas confirmaram que as respostas de maior exatidão vieram por mensagem de texto.

Schober e Conrad explicam que realizaram o estudo para analisar as mudanças nos padrões de comunicação e seus impactos na indústria, pois aproximadamente uma em cada cinco famílias nos Estados Unidos usa somente telefone celular e já não possui mais linhas fixas.

Isso significa que mais pessoas usam mensagens de texto para se comunicar, uma prática que se estendeu sobretudo entre jovens, embora seja algo comum entre todos os grupos de idade.

O estudo, antecipado pela Universidade de Michigan, será apresentado nesta semana na reunião anual da Associação Americana de Pesquisas de Opinião Pública, que será realizada entre 17 e 20 de maio em Orlando, na Flórida.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for SMS estimula sinceridade, diz estudo

Deixe o seu comentário