PMs de Cristo: “O uso da força faz parte dos princípios bíblicos”

O tenente-coronel Alexandre Terra participa de culto dos PMs de Cristo. Foto: SSP-SP/ Divulgação
O tenente-coronel Alexandre Terra participa de culto dos “PMs de Cristo”

Publicado originalmente no Terra

A Associação dos Policiais Militares Evangélicos, conhecida como “PMs de Cristo”, comemora 20 anos em 2012 e, no último mês de junho, ganhou um dia oficial. A partir de agora, o dia 25 de junho será de comemoração para os policiais militares evangélicos.

Os “PMs de Cristo” oferecem serviço de culto e orientação aos policiais interessados, além de atividades comunitárias nos espaços da Polícia Militar e em igrejas, com o objetivo de aproximar as pessoas da corporação.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP-SP), são milhares os participantes do grupo. Um dos pilares da associação, segundo Alexandre Terra, vice-presidente da associação, é a “consciência de como é importante exercer o amor e o perdão”, mesmo em meio às ações militares, que costumam ser marcadas pela tensão.

“Nós entendemos que o uso da força faz parte dos princípios bíblicos. O próprio Jesus fez isso quando expulsou pessoas que estavam no tempo afrontando um valor”, afirmou à SSP o tenente, justificando que religião e a necessidade do uso da violência na profissão podem conviver.

O dia oficial dos “PMs de Cristo” foi oficializado pelo governado Geraldo Alckmin, pelo projeto de lei 594/11.

Foto: SSP-SP/ Divulgação

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for PMs de Cristo: “O uso da força faz parte dos princípios bíblicos”

Deixe o seu comentário