Diretor de presídio é afastado após preso colocar no Orkut foto de churrasco dentro de cela

Celso Bejarano, no UOL

Um detento do presídio de Dois Irmãos do Buriti postou no Orkut fotografias de um churrasco dentro da cela

A Agência de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul (Agepen) anunciou nesta segunda-feira (23) que vai exonerar o diretor de um presídio do Estado após um preso postar na rede social Orkut fotografias suas e de colegas fazendo churrasco dentro de uma cela.

Paulo Barbosa Feitosa, o Paulinho, preso por tráfico de drogas, era um dos cerca de 300 detentos do presídio de Dois Irmãos do Buriti (110 km de Campo Grande) e mantinha uma conta no Orkut. Na rede, ele expunha fotografias da família e de colegas de cela –tudo por meio de uma conexão pelo telefone celular.

O caso virou notícia em Mato Grosso do Sul na semana passada, depois de uma denúncia anônima, e o detento e dois colegas que apareciam comendo picanha foram transferidos. Eles confessaram que promoviam churrascos dentro da cela e afirmaram que a direção do presídio tinha conhecimento dos atos.

Em nota, a Agepen limitou-se a informar que o atual diretor Fúlvio Ramires será trocado por Claudionor Suszec, servidor estadual há 14 anos. O episódio do Orkut não é citado no comunicado e a pasta aponta que “a mudança acontece por necessidades administrativas”.

Em inspeção no presídio, foram descobertos quatro celulares e uma churrasqueira elétrica.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Diretor de presídio é afastado após preso colocar no Orkut foto de churrasco dentro de cela

Deixe o seu comentário