Vice-ministra da Costa Rica é demitida após vídeo erótico

Publicado originalmente no Opera Mundi

A vice-ministra de Cultura da Costa Rica, Karina Bolaños, foi demitida nesta segunda-feira (30/07) por conta de uma sensual e calorosa declaração de amor a um amante. Ela surgiu em um vídeo erótico no You Tube no qual aparece apenas de lingerie lamentando estar “sozinha” e “desejando” seu parceiro.

Em um comunicado oficial, o ministro da Cultura costa-riquenho, Manuel Obregón, reconheceu que “as informações que circularam estão estritamente relacionadas à vida privada de Karina e não com seus afazeres enquanto funcionária pública”. Contudo, lamentou que seja necessária sua remoção do cargo “para que possa enfrentar o caso no âmbito particular”. No mesmo documento, consta que a demissão de Karina foi formalizada em um decreto assinado pela presidente do país, Laura Chinchilla.

No vídeo, a funcionária surge em uma cama, vestida apenas com suas roupas íntimas. Ela se dirige a seu suposto amante, “Pequis”, e diz que está fazendo tudo aquilo porque o ama. O vídeo se espalhou rapidamente pelas redes sociais, mais ainda não se sabe como acabou publicado na Internet.

A polêmica surge no momento em que o governo de Laura Chinchilla vive uma forte queda em seus índices de popularidade. Em uma pesquisa de opinião publica nesta segunda-feira (30/07), 75% dos costa-riquenhos disseram ver o governo Chinchilla como “corrupto” e 53% alegaram estar insatisfeitos com o trabalho da chefe de Estado.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Vice-ministra da Costa Rica é demitida após vídeo erótico

Deixe o seu comentário