Facebook será interrompido para propaganda política eleitoral obrigatória

TSE resolve usar as redes sociais para fazer o eleitor assistir a propaganda política obrigatória

publicado impagavelmente no G17

Analisando que as pessoas trocaram a televisão pela Internet, as redes sociais serão alvos de propaganda política obrigatória. O Facebook será interrompido as 20h30, diariamente, para transmissão da propaganda politica partidária.

De acordo com o TSE, as redes sociais serão redirecionadas, no horário informado, para um site do governo, onde o internauta obrigatoriamente terá que assistir ao vídeo da propaganda politica. O internauta só conseguirá retornar para o Facebook após assistir todo o vídeo de 30 minutos.

O TSE acredita que a propaganda politica obrigatória nas redes sociais vai democratizar ainda mais a Eleição e facilitar o eleitor a escolher o seu candidato. O Orkut está fora da propaganda politica por desinteresse dos políticos na rede.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Facebook será interrompido para propaganda política eleitoral obrigatória

Deixe o seu comentário