Adolescente paquistanesa cristã acusada de blasfêmia é solta após 3 semanas

Publicado originalmente na BBC

Um juiz paquistanês concedeu liberdade sob fiança a uma menina cristã acusada de blasfêmia.

A adolescente, Rimsha Masih, havia passado as últimas três semanas presa após acusações de que teria queimado páginas do Corão, o livro sagrado do Islamismo.

Após sua prisão, o clérigo muçulmano Khalid Chishti, da mesma região, também foi acusado de baslfêmia. Testemunhas disseram tê-lo visto colocando páginas do Corão na bolsa da menina.

O caso levantou discussão no país sobre o mau uso das severas leis contra blasfêmia no país.

foto: AsiaNews

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Adolescente paquistanesa cristã acusada de blasfêmia é solta após 3 semanas

Deixe o seu comentário