Mano Menezes é demitido e não comanda mais a seleção brasileira

Técnico Mano Menezes deixa o gramado de La Bombonera acompanhado por policiais
Técnico Mano Menezes deixa o gramado de La Bombonera acompanhado por policiais

Publicado originalmente no UOL

O técnico Mano Menezes foi demitido no comando da seleção brasileira na tarde desta sexta-feira. O UOL Esporte apurou que a decisão já havia sido comunicada a outros integrantes da comissão técnica, como Carlinhos Neves, preparador físico do Atlético-MG. O comunicado foi feito via SMS.

A decisão foi tomada em reunião realizada na FPF com o presidente da entidade, Marco Polo del Nero, e o mandatário da CBF, José Maria Marin. Mano assumiu a seleção brasileira jogo após a Copa do Mundo de 2010.

Segundo o Blog do Quesada, o diretor de seleções da CBF, Andrés Sanchez, foi voto vencido e não conseguiu demover a decisão da dupla Marin-Del Nero. O presidente da entidade e o fiel escudeiro desde o início não esconderam a intenção de mudar o comando técnico da seleção.

O blog informou ainda que pelo menos três nomes agradavam mais que Mano: o pentacampeão Felipão, Luxemburgo e Muricy.

Andrés Sanchez programou uma entrevista coletiva para explicar os motivos que levaram a CBF a demitir Mano Menezes dois dias após a conquista do Superclássico das Américas contra a Argentina.

O UOL Esporte também apurou que Andrés, entusiasta do trabalho de Mano na seleção, deve seguir por enquanto como diretor de seleções na CBF, apesar da diferença de pensamento com Del Nero e Marin e por ser muito ligado

Mano disputou 33 partidas a frente da seleção brasileira, e teve 21 vitórias, seis empates e seis derrotas, o que dá um aproveitamento de 69,69% (69 pontos de 99 disputados).

foto: Mowa Press

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Mano Menezes é demitido e não comanda mais a seleção brasileira

Deixe o seu comentário