SP: 16 mil devem passar Natal fora da cadeia

 

Publicado na Band

Por volta de 16 mil presos de São Paulo devem sair da cadeia para passar o Natal em casa, beneficiados pela saída temporária. O problema é que, a cada feriado, cerca de 5% dos detentos não retornam para o presídio e, pior, voltam a cometer crimes violentos nas ruas.

Por ano, cada preso tem direito a cinco saídas temporárias de até sete dias cada. Ao todo são 35 dias fora da cadeia – é mais do que a maioria dos trabalhadores brasileiros tem de férias concedidas por ano.

A tornozeleira eletrônica poderia ajudar no controle desses presidiários, mas há somente um quarto do número de equipamentos necessários à disposição das autoridades.

Chefe do PCC

Um exemplo de criminoso que aproveitou a saída temporária para promover ataques contra policiais é o de Francisco Antonio Cesário, o Piauí, um dos chefes do tráfico do PCC. Ele acabou recapturado em agosto.

De olho na onda de violência no Estado, o Ministério Público entrou com pedidos para que a Justiça barre 90% das saídas previstas.

Vídeo: TV UOL

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for SP: 16 mil devem passar Natal fora da cadeia

Deixe o seu comentário