Vegetarianos têm 32% menos riscos de desenvolver doenças cardíacas

 Cardápio sem carne reduz riscos cardiovasculares Foto: Divulgação
Cardápio sem carne reduz riscos cardiovasculares

Adeptos de dieta sem carne apresentaram pressão arterial mais baixa e estavam dentro da faixa de peso considerada saudável

Publicado originalmente em O Globo

LONDRES – Um estudo com 44.500 pessoas na Inglaterra e na Escócia mostrou que vegetarianos têm 32% menos chances de morrer ou precisar de cuidados médicos em decorrência de doenças cardíacas. Diferenças nos níveis de colesterol, pressão arterial e peso corporal podem estar por trás dessa descoberta, publicada na “American Journal of Clinical Nutrition”.

Pesquisadores da Universidade de Oxford analisaram dados de 15.100 vegetarianos e 29.400 pessoas que comem carne e peixe. Ao longo de 11 anos de estudo, entre os não-vegetarianos, 169 pessoas morreram de doenças cardíacas e 1.066 precisaram de tratamento para o coração.

Os resultados mostraram que os vegetarianos tinham pressão arterial mais baixa, níveis menores de colesterol ruim e estavam mais dentro da faixa de peso considerada saudável.

— Se você tem planos de aderir à dieta vegetariana, assegure-se que seu menu tenha todas as vitaminas e minerais que seriam consumidas se houvesse carne no cardápio — alerta Tracy Parker, da Fundação Britânica do Coração.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Vegetarianos têm 32% menos riscos de desenvolver doenças cardíacas

Deixe o seu comentário