Eros versus Ágape

http://www.dreamstime.com/-image2300371

Marília César

A paixão é escrava, o amor é livre;

A paixão é ciumenta e insegura, o amor suporta conhecer a verdade;

A paixão é tempestade em mar revolto, o amor é vento fresco em noite estrelada;

A paixão acelera as batidas do coração, o amor o aquieta;

A paixão fere com um peso maior do que foi ferida, o amor sofre a dor daquele que praticou a ofensa;

A paixão está sempre com fome, o amor é um bebê amamentado;

A paixão transfigura o rosto e aquilo que agora é belo pode até ficar disforme; o amor aserena as feições;

A paixão cobra preços altos por pequenos deslizes, o amor cobre todas as dívidas;

A paixão tira a paz do coração, o amor incendeia o espírito;

A paixão é um solo de Hendrix, o amor é uma canção de ninar;

A paixão é vencida pelo tédio, o amor enfrenta o tédio como parte de uma existência imperfeita;

A paixão acaba com o tempo, o amor dura para sempre.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Eros versus Ágape

Deixe o seu comentário