Agora que Deus é brasileiro e papa argentino, Dilma requisita a entrada do Vaticano no Mercosul

papa

Duda d’Paiva e Vinícius Antunes, impagavelmente no Sensacionalista

Dilma foi a única brasileira que não é humorista e comemorou a eleição do papa argentino.  Segundo ela, este é um bom momento para a América Latina, principalmente para o Mercosul e com o fato de Deus ser brasileiro e o papa argentino, já está pedindo a aceitação do Vaticano na mercado comum.

Segundo Dilma, a entrada do Vaticano será muito importante, principalmente no comércio do almas. Mas ela já disse que se nega a exportar crianças para o exterior. A presidenta já colocou a empresa Vale a disposição para minerar todo o ouro do Vaticano, mas ainda não recebeu o aceite. Já o Vaticano disse que parar entrar Dilma terá que frear o crescimento das igrejas evangélicas em nosso país.

 

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Agora que Deus é brasileiro e papa argentino, Dilma requisita a entrada do Vaticano no Mercosul

Deixe o seu comentário