Juíza norte-americana muda nome de criança batizada como Messias

"A palavra Messiah é um título e é um título que só foi recebido por uma pessoa e essa pessoa é Jesus Cristo", disse a juíza.

“A palavra Messiah é um título e é um título que só foi recebido por uma pessoa e essa pessoa é Jesus Cristo”, disse a juíza.

Publicado originalmente por BBC News

Uma juíza americana ordenou que o primeiro nome de um bebê fosse mudado de Messiah (Messias, em inglês) para Martin, argumentando que o único e verdadeiro messias é Jesus Cristo.

Os pais do bebê de sete meses Messias DeShawn Martin tinham ido ao Tribunal no estado americano do Tennessee para tratar da mudança do sobrenome da criança.

Mas a magistrada da vara de apoio à criança, Lu Ann Ballew, ordenou que o primeiro nome também mudasse, segundo a reportagem da emissora local WBIR-TV.

De acordo com a administração do departamento de Segurança Social, somente no ano passado mais de setecentos bebês receberam o nome Messiah em todo o território americano.

Para o cristianismo, Jesus é Messias, enquanto no Judaísmo o termo significa o salvador esperado dos judeus.

Várias definições de dicionários apontam para qualquer um visto como salvador ou libertador.

“Nenhuma escolha”

A juíza do Condado de Cocke disse que o nome Messias poderia causar dificuldades para o menino se ele crescer em uma área predominantemente cristã:

“(O nome) poderia colocá-lo em conflitos com um monte de pessoas e, ao nascer, ele não teve escolha sobre qual seria seu nome”, disse a juíza Ballew.

A juíza pôde fazer a alteração porque os pais já estavam na vara de apoio à criança para serem ouvidos em uma disputa sobre qual deveria ser o sobrenome de seu filho.

Ela determinou que o bebê teria seu nome mudado para Martin DeShawn McCullough, que incluiu o sobrenome de ambos os pais.

“A palavra Messiah é um título e é um título que só foi recebido por uma pessoa e essa pessoa é Jesus Cristo”, disse.

A mãe do bebê, Jaleesa Martin, disse à reportagem da WBIR que iria apelar contra a ordem da juíza.

“Não acho que um juiz possa mudar o nome do meu bebê por causa de suas crenças religiosas”, disse ela.

A mãe disse que escolheu o nome não por suas conotações religiosas, mas porque ela gostava de como soava com os nomes de seus outros dois filhos, Micah e Mason.

O nome Messiah está na posição 387 na lista dos nomes de bebês mais populares nos EUA em 2012, contra 633 em 2011.

dica do Gustavo K-fé

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Juíza norte-americana muda nome de criança batizada como Messias

Deixe o seu comentário