Vice-presidente argentino chama Justin Bieber de “tragédia cultural”

Publicado no Terra

No Brasil, Justin Bieber foi visto fazendo gestos obscenos para fotógrafos (foto: Marcello Sá Barretto/ André Freitas / AgNews)

No Brasil, Justin Bieber foi visto fazendo gestos obscenos para fotógrafos (foto: Marcello Sá Barretto/ André Freitas / AgNews)

Depois de colecionar uma série de desafetos em sua passagem pelo Brasil, Justin Bieber também não fez muitos amigos na Argentina. Depois de ser expulso de um hotel e causar polêmica ao esfregar o chão do palco com  uma bandeira argentina, o cantor canadense foi alvo de críticas de Amado Boudou, vice-presidente do país.

De acordo com o jornal La Nacion, Boudou estava em uma palestra na Universidade de Qulimes quando falou sobre o caso, o qual chamou de “tragédia cultural”.

O vice-presidente aproveitou o discurso para falar sobre a falta de investimento nos artistas do país. “Quando você vê que os canais a cabo têm apenas cultura de outros países, as coisas acabam acontecendo como foi ontem. Uma cultura estrangeria que não dá nenhuma resposta para o nosso país que não gera nenhum valor e terminar, eu diria, em uma tragédia cultural”, definiu.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Vice-presidente argentino chama Justin Bieber de “tragédia cultural”

Deixe o seu comentário