Pastor Marcos é denunciado por crime ambiental para construir heliporto

2013-622075166-2013061734234.jpg_20130617

 

Publicado no Extra

Preservarás a natureza. Em se tratando de áreas de conservação ambiental, trata-se de mais um mandamento legal que o pastor Marcos Pereira parece ter ignorado. Preso desde maio sob acusação de estuprar fiéis, ele foi denunciado, desta vez, por ter desmatado uma área equivalente a cerca de 11 campos de futebol dentro e no entorno da Reserva Biológica do Tinguá. O objetivo era construir um heliporto e uma residência na Fazenda Vida Renovada, da Igreja Evangélica Assembleia de Deus dos Últimos Dias.

A denúncia foi feita pelo procurador do Ministério Público Federal (MPF) Renato Machado no último dia 13. Ele diz que a obra foi feita em 2004. À Polícia Federal, o pastor disse que os danos ambientais já existiam antes da aquisição do imóvel pela igreja. Porém, testemunhas desmentiram a informação. A reserva existe desde 1989.

O heliporto não chegou a ser concluído porque houve um embargo. Ficaria no alto de um morro, que sofreu um corte em seu topo. Se condenado, o religioso poderá pegar entre um e cinco anos. Por ter sido condenado em primeira instância por estupro, ele não poderá ser beneficiado pela “suspensão condicional do processo” (por se tratar de pena pequena). Procurado, o advogado do pastor não foi encontrado.

A Igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias também foi denunciada. Para ela, o MPF oferece a “suspensão condicional do processo”, caso recupere a área degradada; e caso restitua à reserva a porção do imóvel que se encontra dentro dos limites da Fazenda Vida Renovada. No local, segundo o site da instituição, são feitos a recuperação e o abrigo de dependentes químicos e ex-presidiários. O Ibama multou a igreja em R$ 150 mil.

— Ainda que pudesse haver dúvidas dos réus sobre os exatos limites da reserva, verificou-se que foi desmatada área de preservação permanente. Foram causados danos ambientais que configuram crimes, ainda que se considerasse a área como fora da reserva — disse o procurador Renato Machado.

O EXTRA tentou contato com a igreja, mas ninguém foi encontrado para falar sobre a denúncia.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Pastor Marcos é denunciado por crime ambiental para construir heliporto

Deixe o seu comentário