TJ-SP condena usuárias do Facebook por compartilhar e curtir status ofensivos

Mulheres compartilharam e curtiram uma informação, não comprovada, de negligência no tratamento de uma cadela

Publicado no Terra

O Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que duas usuárias do Facebook paguem indenização de R$ 20 mil cada uma por terem compartilhado e curtido na rede social um status considerado ofensivo.

O processo que motivou a decisão da justiça envolveu um veterinário acusado de negligência no tratamento de uma cadela. O conteúdo foi compartilhado e curtido pelas duas mulheres. A informação de negligência não foi comprovada. José Roberto Neves Amorim, relator do processo, diz que a decisão será recomendada como jurisprudência, para que seja aplicada em casos semelhantes que cheguem ao tribunal.

As informações são da colunista da Folha de São Paulo Mônica Bergamo

dica do Jarbas Aragão

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for TJ-SP condena usuárias do Facebook por compartilhar e curtir status ofensivos

Deixe o seu comentário