Nigella Lawson é banida dos Estados Unidos por ter confessado usar cocaína

Nigella Lawson é persona non grata nos Estados Unidos Sang Tan/AP

Nigella Lawson é persona non grata nos Estados Unidos Sang Tan/AP

Apresentadora do programa de culinária “Nigella” foi impedida de embarcar em um voo que ia de Londres para Los Angeles no último domingo

Publicado em O Globo

A chef e apresentadora britânica Nigella Lawson foi banida dos Estados Unidos quatro meses após confessar ter usado cocaína. Ela foi impedida de embarcar em um voo de Londres a Los Angeles no último domingo segundo informações do jornal The Guardian.

No ano passado, Nigella, de 54 anos, foi forçada a confessar no trubunal que ela consumia cocaína e fumava maconha na frente de seus dois filhos, Bruno, hoje com 17 anos, e Cosima, de 19.

A apresentadora do “Nigella”, programa de culinária exibido no Brasil pelo GNT, e jurada do “The taste”, reality culinário exibido pela rede americana ABC, chegou a fazer o check in no terminal 5 do aeroporto de Heathrow para o voo da British Airways. Mas, antes de embarcar, foi abordada por funcionários da companhia aérea, que a pediram para recolher suas bagagens.

“Ela não disse nada, mas não parecia satisfeira”, contou uma testemunha que não quis se identificar.

Agora espera-se que Nigella acione seus advogados para garantir trânsito livre para os |Estados Unidos a passeio e a trabalho. O Departamento de Segurança de Fronteiras dos Estados Unidos afirmou que não tem autorização para comentar casos individuais. No entanto, uma fonte interna revelou que estrangeiros que admitem o uso de drogas em solo americando ou não são considerados “inadimissíveis.

Em julho do ano passado, a chef e apresentadora se divorciou do então marido Charles Saatchi, a quem acusou de agressão. Foi Saatchi quem revelou à corte que Nigella era dependente química.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Nigella Lawson é banida dos Estados Unidos por ter confessado usar cocaína

1 Comentário

  1. Vagner disse:

    Tremendo de um exagero hipócrita!As pessoas estão cansadas de saber que as drogas e a sociedade secular norte-americana são irmãs siamesas. Não é de um dedo acusador que ela precisa , mas quem sabe , resolver o seu problema espiritual e existencial através de um encontro com Deus! Além de um bom tratamento de desintoxicação , claro!!!

Deixe o seu comentário