Menina posta trote no Twitter e quase vira alvo do FBI

Sarah tem 14 anos. No Twitter, ela fingiu ser um terrorista afegão e ameaçou a American Airlines. Em resposta, a empresa aérea disse que ia por o FBI atrás dela

American Airlines

Saulo Guimarães, na EXAME

Por dia, cerca de 500 milhões de mensagens são publicadas no Twitter. Ontem, uma delas parece ter custado uma enorme dor de cabeça a uma usuária americana de 14 anos.

Eram 10h37 quando a jovem Sarah escreveu a seguinte mensagem em @QueenDemetriax_, sua conta no Twitter:

“Olá, @americanairlines meu nome é Ibrahim e sou do Afeganistão. Sou da Al Qaida e em 1º de junho eu vou fazer um grande estrago”.

Seis minutos depois, a empresa aérea American Airlines usou seu perfil no site para responder a mensagem: “Sarah, nós tomamos estas ameaças muito a sério. Seu endereço IP e outros detalhes serão encaminhados para segurança e o FBI”.

Tarde demais

Quando percebeu o que havia feito, Sarah tentou reparar seu erro. Atribuiu o problemático tuíte a uma amiga e pediu desculpas pelo mal-entendido. Mas aí, já era tarde demais.

Entre outras mensagens, Sarah chegou a publicar a seguinte: “Sempre quis ser famosa, mas como a Demi Lovato – não como o Osama Bin Laden”. Demi Lovato é uma cantora americana famosa entre adolescentes. Bin Laden, o terrorista responsável pelos ataques de 11 de setembro.

Hoje, quem tentar visitar o perfil de Sarah no Twitter vai descobrir que sua conta foi suspensa. Na página da American Airlines no site, também já não consta a resposta à menina.

Comentários

Entretanto, comentários sobre o caso ainda estão na rede social. Um exemplo é o tuíte publicado por Nu Wexler, funcionário responsável pelas relações públicas do Twitter. Segundo ele, a American Airlines não tem como ter acesso ao IP ou outros detalhes relativos à Sarah.

É bom lembrar que este não é o primeiro caso de mensagens envolvendo terrorismo que termina mal no Twitter. Em fevereiro, uma espanhola foi condenada a um ano de prisão por apologia a um grupo armado de esquerda que matou dezenas de pessoas no país nas décadas de 1970 e 1980.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Menina posta trote no Twitter e quase vira alvo do FBI

Deixe o seu comentário