Par perfeito

foto: Estadão

foto: Estadão

Gregorio Duvivier, na Folha de S.Paulo

No par perfeito de hoje, você vai descobrir qual desses gatinhos o eleitor do Rio de Janeiro vai levar pra casa!

Nosso primeiro candidato é sobrinho do Edir Macedo, cantor gospel e bispo da Igreja Universal. Passou dez anos semeando a Palavra e colhendo o dízimo pelo continente africano. Gosta de longos passeios na praia e é suspeito de mandar dinheiro para o exterior usando a Universal e a Rede Record.

Seu projeto Cimento Social foi cancelado por ter caráter eleitoreiro. Gosta de gravatas amarelas e do Salmo 22. O candidato não acredita na teoria da evolução e acha que criminalizar a homofobia é um exagero. Ele está em primeiro lugar nas pesquisas! Palmas para Marcelo Crivella!

Ele começou a carreira de radialista roubando a alcunha do célebre José Carlos Araújo, o Garotinho. Mesmo processado por este, nosso candidato continuou se aproveitando da alcunha e da popularidade do verdadeiro Garotinho pra se eleger deputado. Esse moleque é um traquinas.

Coleciona crimes de toda sorte —formação de quadrilha, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Foi condenado a 30 meses de prisão. Ai, ai, ai, que garotinho mau! A decisão é de primeira instância e ele vai recorrer. Nosso bebezão está logo atrás de Crivella nas pesquisas. Palmas para Anthony Garotinho!

Em terceiro lugar, um candidato que surgiu como cara-pintada e acabou acusado dos mesmos crimes contra os quais ele protestava. Gosta de saladas e de administrar cidades em que ele nunca morou. Mas ele é o mais bonitinho do grupo! Nosso candidato gatinho faz qualquer coisa pelo voto evangélico. Fechou uma parceria com Silas Malafaia, de quem frequenta os cultos. “Ninguém vai me afastar do Pastor Silas”. Pague um, leve dois. Quem votar nele, ganha o pastor de brinde. E sem acréscimo no dízimo. Ele é Lindberg Farias, o candidato do PT!

Nosso quarto candidato é o atual governador do Rio de Janeiro. Vice de Cabral, herdou do chefe as alianças escusas e desaprovação popular. Faz uso da máquina pra compensar o carisma negativo. Calça 47 mas sua fama é de mão-grande: foi condenado por fraude na compra de ambulâncias quando era prefeito de Piraí. Mas está recorrendo! Esse é Luis Fernando Pezão, o candidato do PMDB!

O quinto candidato é Cesar Maia, que dispensa apresentações.

E agora, eleitor do Rio, quem é que você vai levar pra casa? Voltamos logo após o intervalo comercial.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Par perfeito

Deixe o seu comentário