Rede britânica dá hambúrguer grátis para brasileiros esquecerem trauma alemão

Quem levar o passaporte brasileiro a um dos mais de 50 restaurantes da rede no Reino Unido ganhará o sanduíche inspirado na Copa do Mundo e que tem influência brasileira

Fernando Nakagawa, no Estado de S.Paulo

Para curar a ressaca, alguns receitam água, outros sugerem chá e tem até quem prefira gengibre. Mas uma rede de lanchonetes britânica decidiu oferecer hambúrgueres para que brasileiros possam curar o trauma causado pelo vexame nas semifinais da Copa do Mundo. “Para acalmar as feridas deixadas pelos alemães”, brasileiros terão um hambúrguer grátis em qualquer uma das mais de 50 lojas da rede Gourmet Burger Kitchen.

Grátis. Para afogar as mágoas, brasileiros ganharão hambúrguer /Divulgação

Grátis. Para afogar as mágoas, brasileiros ganharão hambúrguer /Divulgação

A rede de hamburguerias conhecida pela sigla GBK anunciou a promoção no dia seguinte à derrota histórica contra a Alemanha. “Para você que é do Brasil, não foi fácil levar sete gols dos alemães. Então, vamos fazer a situação melhorar com hambúrgueres. Se você tem um passaporte brasileiro, vá a qualquer loja do GBK no Reino Unido e o mostre para o nosso pessoal. Você vai ter de graça um X Burger para acalmar essas feridas”. A promoção lançada pelo Facebook vale apenas nesta quarta-feira, 9 de julho.

Hoje. Promoção vale só em 9 de julho em mais de 50 endereços no Reino Unido

Hoje. Promoção vale só em 9 de julho em mais de 50 endereços no Reino Unido

O X Burger é uma criação da casa para a Copa do Mundo. Inspirado no Brasil, o hambúrguer tem 170 gramas de carne, queijo, bacon, pimentões, cebolas crocantes e ainda tem abacaxi grelhado e pedaços de caju.

Se você é brasileiro e está no Reino Unido, sofreu com a derrota e quer curar a ressaca com um hambúrguer grátis, clique aqui e veja qual a loja mais perto. Corra! Alguns restaurantes fecham perto da meia-noite.

Comentários

Este QR-Code permite acessar o artigo pelo celular. QR Code for Rede britânica dá hambúrguer grátis para brasileiros esquecerem trauma alemão

Deixe o seu comentário